Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DANDO O RABO E A BUCETA PRO MEU AMOR!

A PRIMEIRA VEZ QUE DEI PRO MEU MARIDO, DOEU MUITO,

HOJE EU SO SINTO PRAZER, TENHO ORGASMOS MARAVILHOS,

QUANDO ELE NÃO FAZ SEXO COMIGO, FAÇO COM OUTROS...







Hoje estou com quase 22 anos, sou uma mulher feliz, vivo um relacionamento aberto com Ilson a algum tempo e moramos juntos, estou muito feliz, e meu gato também, vivemos nos curtindo quando estamos juntos, esse conto real aconteceu no primeiro dia em QUE ficamos juntos, vou contar sem muitas delongas o que aconteceu entre eu e meu amor. Antes de Ilson sá tive um namorado fixo e por poucos meses, ele era muito legal comigo e fazia sexo comigo todos os dias com muito carinho, seu pênis era normal de comprimento e grossura acho que uma media de uns 19 cm, e me fazia gozar todas as vezes. Quando resolvemos morar juntos(Eu e Ilson) assim, como ele, me preparei para a grande noite de núpcias, mini calçinha, nova, vermelha da cor do pecado (se e que pecado tem cor), perfumes e depilação total, depilava sempre minha buceta, nunca gostei de pelos. Fiquei como vim ao mundo, fomos a um restaurante para um jantar leve, depois de um tempo fomos para um motel luxuoso. Chegamos ao motel, mal ele abriu a porta e já foi me atacando, tipo um tarado, foi tirando a roupa como um desvairado, ficando sá de cueca, pegou meu rosto com carinho e foi me dando um longo e apaixonado beijo, depois sugou meus peitos, lambia meus mamilos, arrancou minha tanguinha com os dentes, literalmente me deu um banho de saliva, eu estava excitadíssima e minha buceta estava ensopada de tesão, tirei a sua cueca e quando ele virou, eu vi o tamanho do seu pau , lágico nos muito amassos e esfrega eu sentia que era um pau diferente, que era maior do que eu já conhecia, mas não imaginava que era assim, enorme, estufado com as veias saltando, grosso, um pau pra ninguem botar defeito, devia ter pelo menos 20 cm.,( e tem ), mas era muito grosso, minha mão não conseguia fechar em torno do caralho, meu homem, me deixou alucinada, minhas pernas tremian, ele deitou-me e abocanhou de uma vez a minha buceta, tudo, sumiu naquela boca enorme, ela chupava meu grelo com volúpia... eu gozei como nunca na boca dele, sensacional. Passei a mão no seu mastro, muito duro, grosso, anorme, aquela cabeça parecia meu punho, que coisa mais linda, porem muito grande. Ele colocou-me de quatro, e começou a lamber minha bunda. Olha a sensaçao era maravilhosa, aquela lingua percorrendo meu rego todo, ate que parou no meu cuzinho, enfiou a lingua todinha la dentro, e fazia circulos dentro do meu cuzinho, me fazendo gemer de tanto tesao, com um dedo na buceta, eu novamente gozei na mao dele, com a lingua dando rodeio em meu cuzinho, eu com dificuldade consegui por a cabeça do seu pinto na minha boca, lambia de lado, engolia ate onde era possivel, muito grande, e ele dizendo que iria gozar, me deixava alucinada, que homem delicioso! Ele dizia chupa...meu amor, mama teu caralho... isso gostoso, lambe assim...molha...cospe na cabeça do meu caralho, segurou a cabeça forte, encaixou a cabeça do seu pau entre os meus dentes, dizia vou gozar...to gozando., foram jorros de porra, na minha boca que quase me sufoca, fui engolindo a medida que saia, e olha, foi despejando seu liquido quente, pegajoso e muito gostoso, bebi com muito tesao. Depois de algum tempo ele ja de pau duro de novo, deitou de costa e de frente pra mim mandou eu sentar na sua piroca e eu encaxei cabeça do seu pau na minha buceta, e disse pra mim controlar, e deixar ir entrando o tanto que quisesse e aguentasse... quero tudo, disse., ele me chamou de tarada , e falou, - você consegue com certeza, vai em frente... pensei comigo: será que vai doer???!!! Uma duvida e um desafio, sentei na cabeça grande do seu mastro e lentamente eu fui largando meu corpo, sentia dor, eu parava, voltava e recomeçava., ate que senti entrar a cabeçorra todinha, a cena era linda, aquela chapeleta grande, grossa, ja com um pouquinho dentro da minha bucetinha branca, dava um contraste ate bonito,. Fui brincando com aquilo, socando aos poucos, e ja com a minha xaninha meia aberta, estava quase gozando e ilson delirava dizendo, acho que já vou gozar, bucetinha apertada, esta esfolando meu pau, quando eu e ele fizemos o mesmo movimento, ele estocou e eu larguei meu corpo, foi tudo ate o fim. Senti apertar meu estomago, rasgar a carne dentro de mim, rasgar as paredes da minha vagina, bater fundo no meu utero., e com uma grande, dor, ardia demais., com tudo isso gozei junto com ele, eu sentia as estocadas dentro de mim dele gozando, e me enchendo por dentro de porra quente, ainda., muita porra., ele era um touro, doía tanto que eu fiquei com medo de me mexer, aquilo tudo ainda dentro de mim, levantei devagar e vi o estrago, junto com a porra que saia, jorrou tambem muito sangue., me apavorei, ele ia dizendo que era normal, mas so eu sabia a dor que estava sentindo, mas afinal consegui engolir o mastro daquele gato maravilhoso, meu homem, meu pauzudo. Ele quer meu cuzinho, mas ia dar um tempo, porque precisava me preparar, porque com certeza iria doer muito. Concordei mas fiquei com uma vontade enorme de dar meu cuzinho pra ele. Quando fui tomar banho, vi minha bucetinha ( agora bucetão) arrombada pelo espelho, vermelha, aberta e sangrando, lavei com uma ducha de água gelada, minha bucetinha fisgava, lembrando a dor e o prazer que ele, meu amor me dera.! Ilson dormia o sono dos justos. Acordei-o beijando seu rosto. Ele acordou e me abraçou me puxando pra cima dele, eu disse , na frente nem pensar não vou aguentar, esta dolorido, e estava, mas eu queria outra coisa. Chupei e molhei, cuspia, lambuzei bastante seu pau, ele me deitou de bruços e começou a enfiar um dedo no meu cuzinho, passando saliva a toda hora, dois dedos, e eu adorando aquilo, era divino. Já sentindo que era a hora, deitou-se com o pau pra cima, de novo e mandou eu me sentar em cima dele, e guiar como fiz com a bucetinha. Meu cuzinho apertadinho, sentiu aquela cabeça enorme querendo entrar, relaxei e sentei, devagar...bem devagar, quase parando, doía...doia pra cacete, mas eu ia forçando ia me ajeitando, urrava ...e senti que entrou, ardeu, ele tirou, mas, eu voltei coloquei de novo e fui afundando., e a medida que entrava sentia descolar todas as pregas do meu cuzinho, alucinante, dolorido mas gostoso, senti minha bunda bater nele, eu tinha conseguido enfiar aquele mastro todinho dentro do meu apertadinho cuzinho, agora com certeza, um verdadeiro cú, um cuzão. Comecei a rebolar e sentir seu mastro mexer meus intestinos, entrando e saindo, rasgando tudo, estourando as pregas que ainda estavam inctatas, quando ele me puxou, enfiou os dedos na minha arrombada búceta, chupou meu pescoço, me levou a loucura e dizia: que cú gostoso, delícia, maravilhosa, agora você tem um homem sá seu, pra te arregaçar , e se movia loucamente, me socava....socava meu rabo, minha dor, minhas pregas ... vou gozar, amor...vou gozar ...gozou, gozei junto, aquela porra toda, agora dentro do meu cuzinho, novamente!!!! Fiquei sentada em cima dele, uns 19 minutos, sem tirar de dentro, a dor tinha sumido, sentia minha bunda dilatada., e aos poucos, com carinho ele me colocou de quatro e ai me comeu mais uma vez, com mais força, acabando com o resto, gozou de novo dentro do meu cuzinho. Não gozei, mais , porque ardia, ardia muito. Ele tirou o seu pau do meu cúzinho, o alivio foi grande., e começou novamente a chupar ...chupou mais uma vez minha bucetinha, fazendo gozar bastante. Ficamos deitados agarradinho uma meia hora, toda arrombadinha, e fui dormir. No outro dia, era sangue na calcinha, na cama, ele me arrombou inteirinha, doia tudo, bunda, bucetinha, as pernas, os peitos., eu me sentia inchada. Até hoje fodemos quase todos os dia, virei uma viciada sexual. Nunca mais fui a mesma, e fiquei muito exigente sobre os tamanho dos paus, por enquanto meu gato vai preenchendo os meus buracos, com maestria.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


pornô irado a mulher que tem a minha branca e tem aquela bundona fome morte elaContos eroticos primeira vez como prostitutacontos eróticos só no cu das coroascontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casafui dominado por uma mulher mais velha conto eroticoconto erotico meu avoComo transar com um cachorro e qual a sensação de sentir ele gosando no fundo do útero conto de zofilia contos eroticos Roberta traindomulher de chortinho aparesendo a beradia da bucetacontos eroticos testemunha de jeovaContos eroticos ele sozinho na baladanegrinha brinca com roupa de escostar homemeu e minha namorada senpre transamos logo que acordamos contos eróticosvoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos ninfeta detalhadocontos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idaderelato de gêmeos que acabou torando sua sogracontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casafazendo swing sem meu marido saBer contosconto abusei da minha sobrinhaContos pornos novinhas em gang bang c negros dotados de penis grande e grossocontos eróticos encoxando minha amiga na sscolaConto erotico irmao fingiu que nao sabia transar pra come a irmavizinha fofinha de 28 anos contosConto casada com cornoconto erótico o que rola em cine Porno do BrasilMinha cuinhada sandra se pingando todaconto menininha sentou no meu paucontos eroticos viajando com meu irmaocontos eroticos.urulogistacontos eróticos mulher vai ate afazenda trepar com capatazvídeo pornô dois cara comendo a mulher do cara do homem assaltando a por lágrima é como o c* do homemconto rapaz que anda traindo esposa com a sograele pega ela nos ombros pra chupar sua bucetacontos mamei a rola do veicontos. eroticos enteado novinho pau de jumento.Sou a boqueteirá da pica do vizinho contoseroticosela me contou que estava toda assada de fuder a noite todaencostou o cotuvelo no meu peito fiquei loca conto eroticocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto erotico sofreu no anal com outroboa f*** travesti orgiacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos algemada e sentindo um tesao e eles ainda me torturava mexendo na minha buceta Minha namorada ela mandou minha cunhada abri bem suas pernas ela disse pra eu tirar o cabaço da buceta da minha cunhada conto eroticocontos erotica de estrupamento de ninfetosConto erotico gay rasgaran meu cuFoderam gente contos tennscunhada ariando a calçinha p mimminha amiga tem o pezinho lindo contos eroticos podolatriavoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos colegioCasada viajando contosMae drogada contos eroticoconto pegei meu marido comendo cu do meu sobrinhocontos ninfeta lesbica fodde casada hererorelatos eroticos de marido forcando sua mulher certinha s dar para outroWww.contoeroticopai.comimagens de conto de homem macho transando com genro machocontos eroticos comendo mulhers deficientrpau expulsa pau do corno da buceta contosdei a bunda para o torcedor contosContos eroticos desci pra toma agua na cozinha o amigo d meu esposo tava la tambemrelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasVizinha de shortinhos partindo a bucetasite onde posso encontrar contos eróticos com retrato dei pros amiguinhos do meu filho contos eróticoscontos agora ela so quer se for com duas picasrelatos de corno manso.vacilei o meu amigo comeu a minha mulhercontos eroticos experiência inesquecívelContos eroticos gay olixeiroViciada em siririca contosContos de casadas peidando na pica do vizinho e gostandominha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoseu ea madrinha contoainda novinha chutavam meus peitinhoscontos incesto comendo minha mae no sitioconto erotico minha namorada virgem com outrocontos eroticos de mulheres co mendigosputaria todos diss contocontos de sexo comi minha sogra vadia na frente da irma delaconto de moçinhas inocentesmandei a rola na minha enteadinha de seis anosconto erotico gay macho feminizado vira femeaNovinha Bebi porra do meu amigo contominha filha e meu genro vieram me visitar bucetacontos eróticos meninas de 25 anos transando com cachorro Calcinha Preta com lacinho vermelhocontos de zoo trinamento de cao para casadasMeu pai me fez gozar contosvirei escrava do meu tio parte3contos eroticos cunhadas safadasconto lebisco minha amiga pagou uma postituta par comer a buveta delaContos de coroa casada estrupada e gostandomulheres damdo a nisetacontos marido viuvi minha esposa dando mole contoscontos VIZINHO INICIA ESPOSINHAconto sozinho com minha sograSubrinha sapeka adora usa ropinha provokante para da para mim