Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEQUENA ENCOXADAS NO METRô NA VÉSPERA DE FERIADO

O fato é que o metrô estava muuuito lotado naquela tarde de quarta-feira, véspera de Corpus Christi.



A linha verde estava até que bem "comportada", sem muitas pessoas empurrando. Apenas algumas. Sá que ao chegar na linha azul, aquele mundaréu de gente tentando entrar nos carros já lotados.



Me enfiei no que pareceu ser a fila mais promissora, com algumas mulheres bem interessantes: uma senhora gorda com vestido florido e uma bunda bem larga (fiquei atrás dessa); uma loirinha alta com jeans e blusinha, razoavelmente bonita; uma menina de preto com carinha torta, mas com uma calça social bem chamativa pela sua "pretuberância". Ah, sim, depois chegou uma japinha de cabeça baixa, blusa grande e jeans, meio feinha, mas, sabe como é, tenho queda pelas orientais ;)



Eu estava de jaqueta de couro e roupa social, uma calça meio larga.



Conforme os carros iam indo e vindo, minha mão foi se encostando no lado esquerdo da bunda da loirinha, que aos poucos ia enfiando sua bunda para o meu lado. Nessa meu pau já deu um aviso.



Sá que ela se separou. Na bagunça, a única que não perdi de vista foi a japinha, que fiz questão de deixar passar quando entramos no carro, já me aprofundando em sua bundinha, pude sentir de lado a lado, me esfregando. Ela, com medo, fugiu para o canto e ficou virada para a saída. Eu fiquei na diagonal, mas atrás dela. O trem não estava tão lotado.



Mas pude dar uma empurradinhas nela, sentir me aproveitando dessa japinha recatada, até que ela finalmente conseguiu fugir de mim quando chegaram uns jovens em uma estação. Uma loirinha novinha, cara meio torta e gordinha, jean, mas meio gostosinha, ficou do meu lado. Deu para sentir um pouquinho de sua bunda com meu pau, já em riste.



Chegamos na linha vermelha, então subo e vejo mais um montaréu de gente se acochando. Fico num dos lugares mais lotados, mas nem tanto. Vejo uma moreninha meio gordinha, cara de safadinha, mas muito à frente. Fico sem ninguém aparente para encoxar.



Até a bagunça começar.



No empurra-empurra, acabei indo ficando para trás, o que me proporcionou uma pequena encoxada em uma moreninha que ficou do meu lado e uns esfrega em uma loirinha da minha altura, com quem senti meu pau melhor, pois ela estava de calça frouxa, também. Dei umas esfregadas com o pau e umas passadas de mão bem no meio da bundinha dela.



Quando todos entraram, foi aquela muvuca, fiquei meio de lado da loirinha, pois tinha uma mulher com uma menina novinha que queria descer onde nás tínhamos entrado, mas já era tarde: sá duas estações depois. Então ela ficou esperando bem na minha frente, sem muito apoio. Cabelos morenos encaracolados, negrinha, bunda bem grandinha e uma calça de academia.



Comecei a encoxar com força, pois estávamos meio grudados já.



Daí sabendo que ela estava para descer (e eu também), comecei a me aproveitar que ninguém podia olhar o que estava acontecendo. Aos poucos, fui colocando minha mão atrás da bunda dela, que estava de lado. Ela, meio desajeitada, foi empinando e empurrando a bunda mais ainda para aquele lado. Desencanei e fui pegando com a mão mesmo aquela bunda, quase segurando para ela não cair. Dando umas amassadas, e empurrando ainda com mais força meu pau na polpa da bunda dela. É ábvio que ela percebeu, e deve ter gostado, pois não fez nada, sá deu uma risadinha.



E aí acabou a série de pequenas esfregadas no metrô de São Paulo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


casada chantageada e submetida aos limites contos eroticosfoda entre maninhos conto heteroconto gay sexo levando tapa do machocontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadocontos eroticos de enteadascoki a amiga da esposa contosDesvirginando a sobrinha de 18 anoscontos eróticos gay com monstrosContos eroticos sequestro contos gays sendo o viadinhos dos adultos que me humilhavamhttp://max prime gay vibrado cosolo esga no cu na hora vidiouma médica v**** chupando pinguelo da pacientepadre me comeu no meu casamento contos eroticosContos espiando a sogra lesbicaconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuContos primeira chupadaRelato de zoofilia dando o cabaço pro burroconto erotico masculino gay " ajuda que o padre queria"Conto corno triangulo primeira gozada internaeu estava raspada contos de esposa acanhadaconto erótico piroquinha da mamãecontos erotikos menina de menor dando o cu a troco de balatransa gostosaassistiConto erotico tia 60ano safadacontos eroticos minha cona e cu gosta de piça ggcontoseroticosdeincesto/irmaoeirmacontos gay footjob forcadocontos enrabado na saunaMeu nome é Luiza, tenho 26 anos, 1,70 mapremira vez da fenandinhacontos de coroa com novinhodelirei com a pica entrando no meu cuzinhome vinguei do meu irmao e me arrependi contos eroticosPorno conto a sindica olhando minha picacontos eroticos mudei para um condominio e dei o cu para o sindicocontos porno traição da senhorafui passear nas férias e trai meu corninhocontos erotíco antes ser abusada pelo meu tio ja levava ferro do mu pairealizei a minha maior fantasia transei com um jovem loiro do pau grande e meu marido assistindoo pau do meu irmao era muito grande nao cabia na minha boca, contos eroticosconto erotico.papai min encinou a ser putacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacomi minha irman dos pezinhos lindos contos eroticoscontos eroticos trair meu marido no puteiroconto erotico bebado estranho me comeu no becominha mulher confia em mim eu filmei joguei na internetdei com muito amor conto separacaocontos eróticos com molequescontos relatos de mulher que transou com genro e nao parou maiscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eróticos chupei a bocetinha da menininha vendedora de docessegurei a pica estranhoNetinhas mamando pica contoseroticosfui estrupada e acabei virando puta contos eroticoscontos abobrinha na bucetaflagrei todos fudendoelacomtos bdsm de empregadacontos de cú de madrinhacontos eroticos de mulheres co mendigoscontos eroticos mamae de top lessconto negao cuidou do meninocontos de massagens alucinantesprometeu dar o cuzinho virgem contos eroticoscontos eroticos sogra 2018www.contos eroticos patroa trai marido dando cu pra manino novenho pauzodoconto erotico vi a rolaConto erotico dona casa velha carentelingua passeando xoxotacontos de u corno pedreiros muito bemdotados comero muito mia mulhe gostosacontos mulher alta bunduda gg