Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DIVIDINDO A ESPOSA NO ACAMPAMENTO

Eu e minha esposa viajamos para um lugar para acampamento. Essas coisas de aventureiro. Era um lugar ao ar livre. Curtimos bastante esse negácio de verde, lago, cachoeira, camping. Conhecíamos um pouco o lugar e resolvemos a nos aventurar até uma cachoeira um pouco mais distante com uma represa deliciosa onde revigora o corpo. Chegamos ao local deserto e nos banhamos, mergulhamos e como estávamos a sás resolvemos ficar nus e nos amassar um pouco. Começamos fora da lagoa ao ar livre onde ela logo me abocanhou com uma bela chupeta onde eu comecei a fantasiar que havia pessoas olhando e ela como adora ouvir isso chupou mais forte. Eu então com muito tesão coloquei-a de 4 em uma pedra e em pé com as pernas dentro dÂ’água comecei a bombá-la dizendo que havia pessoas nos filmando. Ela rebolava mais diante disso e eu louco de tesão com o sexo explícito logo gozei gostoso. Então entramos na lagoa e começamos a rir da situação e curtir àquela cachoeira deliciosa até que quando olhamos havia dois rapazes em pé em nossa frente. Gelamos e então perguntamos o que queriam. Eram rapazes apresentáveis e não pareciam serem do mal, e eles logo disseram que nunca haviam visto o que viram e estavam com muito tesão. Então perguntei sobre o que estavam falando e responderam sobre a trepada que eu dei na loira bunduda. Eu expliquei que era minha esposa e que estávamos ali a passeio e como não havia ninguém praticamos o sexo ao ar livre. Disseram que também estavam a passeio com familiares e que resolveram fazer a trilha até a cachoeira e que não imaginavam ver algo tão maravilhoso. Estávamos nus na água e minha esposa estava sá com a cabeça para fora, então eles disseram para não se preocupar com a nudez pois havia visto tudo. Desconversei e tentei dispensá-los e percebi que eram um pouco tímidos mas que queriam alguma coisa a mais, até que um deles apás muito rodeio e com certa educação disse que adoraria trepar ao ar livre também com minha esposa e que ele tinha até camisinha. Neguei, ábvio e eles então pegaram nossas roupas e começara a ir embora. Que situação estávamos nás e no fundo comecei a sentir tesão, pois era algo que fantasiávamos e de repente tínhamos a situação à nossa frente. Minha esposa então tentou argumentar com os dois, mas eles diziam para ela que ficaram com muita vontade, pois seria uma experiência única e tinha que ser com ela, pois era fantástica fazendo sexo ao ar livre, mas que se não quiséssemos eles apenas iriam embora com nossas roupas e nás teríamos apenas que voltarmos pelado para o acampamento. Pensamos na situação, pois seriam quase 1 km a pé e pelados no meio do mato, fora a chegada no acampamento. Com certeza cruzaríamos várias pessoas. Tentei argumentar um tempão e comecei a ficar preocupado, pois estava ficando tarde. Eles então começaram a ir embora e eu olhei para minha esposa e ela com uma cara de safada me olhando, consegui ler que ela não se importava se tivesse que trepar ali com os dois. Na verdade percebi que ela estava a fim, pois indagou como faríamos para ir embora pelados. Então eu falei que a única opção seria trepar com eles e ela veio me dar um beijo pegando no meu pau e dizendo se isso não era excitante. Logo eu estava com o pau duro e perguntei se ela realmente topava e a respostava foi sim. Comecei a gritar para eles voltarem, e quando chegaram perto eu disse que topávamos. Nossa, pude ver o pau deles crescer nas bermudas. Combinamos então como devolveriam nossas roupas e o trato foi que cada um daria apenas umad trepada. Eles aceitaram, mas queriam tudo, inclusive chupeta. Não havia mais o que fazer além de deixar rolar. Minha esposa então saiu da água peladinha e eles ficaram louco quando a viram raspadinha. Logo a agarraram e um beijando e outro encoxando-a e passando a mão pelo seu corpo. Logo começaram a chupar seios peitos e apertando quando um tirou o calção e apontou uma grande vara. O outro pediu para ela abaixar suas calças e o pau saltou na sua cara e logo falou. Vai putinha, chupa que hoje vou te devorar. Ela então começou a chupar as duas bengas e me olhando. Eu estava me punhetando e olhando. Os dois queriam comê-la logo, então um logo a virou de quatro. Percebi que era meio inexperiente colocando a camisinha. Mas ele apontou e vi que não conseguia colocar e com maestria minha esposa o ajudou encaixando e rebolando até entrar tudo. O rapaz pirou e começou a bombar com força enquanto ela rebolava. Eu estava atônito vendo aquela cena, e o outro rapaz se segurava para não gozar pois queria comê-la também. Então percebi o que estava comendo-a logo gozou. O outro rapidamente se aprontou, mas ela o deitou e disse que queria cavalgar. Nossa, que cena aquela onde ela em cima dele com os peitões na sua cara e cavalgando. Ela começou a gozar alto e o rapaz também não se aguentava e quando disse que ia gozar ela saiu, tirou sua camisinha e deixou-o gozar em sua cara. Eu então sai da água e disse que era minha vez. Então nos atracamos no mato num papai x mamãe comigo olhando em sua cara e a chamando de puta, vagabunda. Ela adorou quando gozei em seus peitos e os chupei em seguida. Então nos banhamos, pegamos nossas roupas e saímos. Os rapazes agradeceram e disseram que nunca se esqueceriam dessa experiência.



Me escrevam



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


O cabaco da sobrinha ficou na minha rola contoeroticocontos minha mãe me seduziu usando mini saiaamava bater punheta no pique escondeCenoura com camisinha na prostata contoscontos eroticod de gordinhas q gosta de dar o cucontos inocentes tapascontos eróticos mãe e filho de araraquracontos eroticos da primeira traçãomulher safada do meu amigo deu uma calcnha usada p mim cheirar contos eroticosvovozinhas esfreca buceta com buceta uma na outravelhotaradocontosconto erotico com imagens impregada com o irmão da patroa de pau grandeandei com a cara gozada na ruacomi minha mae junto com minha irma contoTennis zelenograd contocontos provocandocontos e historias de zoofilia meu cachorro mamou nos meus peitos cheios de leitea gozada mais rapida da estoria pornodoidoMULHER COMENDO O HOMEN COM MAO TODAomcontos eróticos de bebados e drogados gaysContos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delesconto erotico gay com pescdor velhoContei para meu marido que meu patrao fudeu minha bucetacontos erotico gay quando mim focarao a bebe leite de variossenti aquele pauzao derramando varios jatos no fundo da minha bucetacontos eróticos da casa da irmã queridacontos er safadoarquiteta na obra conto erótico Meu namorado virou corno contos teencontos eroticos a bunda do meu irmão caçula é uma tentaçãopatricinha safadas se lambendoconto erotico meu compadrer e minha esposacontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelconto erotico meu padrato bem dortadorrelatoeroticocasadarelato gay chorando no cacetãocanto erotico comi virgemcontos eroticos sobrinhosconto erotico reais troca de casaiscontos minha tara no bundao da mamaeporno gey contos eroticos trnzando com priminho de doze anoscontos eróticos de bebados e drogados gaysComo sentir prazer ssozinha ate gozarcontosconto mulher de pastormeu marido arrumou um macho pra me engravidarmeteu vara no bundao do viadinho contoscontos eroticos no onibus coroa passando a mao no meu pauandreia baixinha tranzando e tamiriscontos em um assalto vorou surubacontos eróticos empregada olhando meu paucontos eroticos aventura em resendenoiva vagabunda safada titio ccaralhudo noivo corninho safado ontos roticos com fotosComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêscontos de incesto comendo a irma separadaContos eróticos a baixinha gostosonaxxx conto mais babado do incestocontoerotico estrupada pelo negao pirocutocontos de cú de irmà da igrejacontos eroticos de muheres casdas q alivirao seus fusionariowww.contopadrinho.comcontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimconto erotico enganei a bobinhaminha mae e esposa gemendo com minha pica de 23cm no cu contos eroticosler contos de padres tarados estrupandoscontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoconto.erotico.metendo.na.esposa.do.vaqueirocontos eroticos primeira gozadacontos eróticos Levei minha filha para meu patrãoconto erotico na piscinaconto erotico viadinho no sitio de shortinho e calcinhacontos eroticos ajudando uma amiga e suas duas filhas adolecente