Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU EX MARIDO

Quando era casada o sexo entre eu e meu marido sempre foi explosivo, mas devido a muitas brigas por outros motivos chegamos a conclusão que não dava mais para continuarmos.

Fazia uns dois meses que estávamos separados quando ele veio até a minha casa para acertar os detalhes da separação, eu faminta por sexo como estava esperei por ele com uma micro saia, uma blusinha sem soutien e uma calcinha enterrada no rabo. Quando ele chegou, sentou-se no sofá e eu me sentei na poltrona em frente cruzando e descruzando as pernas e fui vendo ele ficar nervoso e cheio de T. Continuei a provoca-lo pois sabia que ele não resistiria por muito tempo.

Nisso ele perguntou se eu poderia pegar algo para ele beber pois estava cheio de sede, levantei fui à cozinha peguei um refrigerante e trouxe para a sala, nisso debrucei sobre ele quase roçando meus seios sobre o rosto dele para entregar o copo. Tornei a me sentar e ora cruzava as pernas ora inclinava o corpo para frente deixando os seios à mostra.

A essa altura ele já não conseguia se concentrar e não falava coisa com coisa sobre os papeis da separação, então me levantei e me sentei ao lado dele no sofá e disse que não estava entendendo muito bem o que ele estava falando. Nessa hora ele não resistiu e me beijou e foi enfiando a mão por dentro da minha blusa apertando o biquinho do meu peito, eu comecei a gemer e disse que estava louca de T, então ele me deitou no sofá e tirou a calcinha para o lado e enterrou aquele caralho gostoso de uma vez na minha xaninha, e começou um movimento de vai-e-vem com fortes estocadas. Eu gozei quase de imediato e ele logo em seguida encheu minha xotinha de porra. Nisso ele tirou o caralho e mandou que eu chupasse ele todo para ficar duro novamente pois ele ia me fuder muito ainda, eu não me fiz de rogada e cai de boca naquela pica gostosa.

Quando a pica dele ficou dura novamente ele mandou eu ficar de 4 pois ia meter tudo de uma vez no meu cuzinho. Então tirei a calcinha e empinei bem a bundinha e disse que era para ele arrombar meu cuzinho, que eu estava doida para sentir aquela pica de novo enterrada no meu rabo. Ele se posicionou atrás de mim e mandou eu empinar bem a bunda que ele ia meter sem dá nem piedade, fiz o que ele pediu e ele enterrou de uma vez a pica no meu cu, nessa hora dei um grito de dor e ele disse que ia me arrombar toda, que ele sabia que eu era uma piranha que adorava pica no cu, eu pedi que ele fosse mais devagar ate eu me acostumar com aquele caralho grosso no cu, ele riu e deu uns tapas na minha bunda e disse que não ia meter devagar coisa nenhuma, que ele queria deixar meu cu bem arregaçado e que eu era uma vadia que adorava tomar no cu. Aquele cacete grosso enterrado no meu cu foi ficando cada vez mais gostoso e eu comecei a rebolar como louca e quando estava quase gozando ele tirou o pau do meu cu e disse que ia fazer algo que eu nunca esqueceria, tentei protestar e pedi que ele metesse de novo so que ele disse que não, que era para eu me virar de frente e abrir bem as pernas que ele eu ia gozar como uma puta com o que ele faria, nisso ele foi no quarto e pegou um gel que sempre tenho no criado mudo e começou a lubrificar meu cuzinho e nisso enfiou dois dedos e logo em seguida enfiou quatro dedos e perguntou se estava bom, eu gemia enlouquecidamente, então ele começou a forçar o ultimo dedo no meu cuzinho, nessa hora fiquei tensa e “travei”, ele mandou eu relaxar que ele ia enterrar a mão toda no meu rabo; pensei em protestar mas o T estava muito grande,e apesar da dor fui tentando relaxar, então teve uma hora que eu senti uma dor alucinante e dei um grito de dor e pedi que ele parasse, ele disse que o que eu estava sentindo era a mão dele enterrada no meu cu, e que a dor era as pregas do meu cu que tinham sido arrombadas. Insisti que ele tirasse mas ao invés disso ele começou a massagear o meu grelinho e dizendo que era para relaxar, a dor começou a melhorar e eu comecei a gostar e a ficar com muito T, ele vendo que eu estava enlouquecendo de T começou um movimento primeiro lento, depois mais rápido com a mão enterrada no meu cu. Nisso fui perdendo a noção de tudo e gozei como uma vadia no cio. Então depois que eu gozei ele tirou a mão do meu cu e enterrou a pica de uma vez e mandou que eu tentasse contrair o cu porque mais parecia que ele estava metendo na minha buceta de tão arrombado que estava, não demorou muito e gozei de novo e logo depois ele enchia meu buraquinho de leite.

Então ele tirou o pau do meu cu, e enfiou dois dedos de cada mão e começou a abrir o meu cu que a essa altura já não oferecia nenhuma resistência, então ele disse que eu estava uma putinha arrombada cheia de porra no cu, e eu sem forças para esboçar nenhuma reação apenas sorri. Ele então se arrumou e disse que voltaria mais tarde para tratar dos papeis da separação.

Acabamos nos separando mesmo, ele casou de novo mas de vez em quando ainda nos encontramos e todas as vezes eu fico com o cu arrombado.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto de homem de deu para Fabiola voguelminha primeira punhetaminha cunhada tinha coriosidade sobre o meu pau se enprecionoucunhada casada e timida linda contosProvoquei e foi arrombada porno conto nunca falei eu falei contos eróticosDotado arronbando garota 19 aninhosconto erotico velho tarado e cachorroContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcasa dos contos abusada por meninosContos erotico mulhrr casada dona de supermecadoconto erotico menininhas virgemcontos eróticos mae solteira e sua filhinhaconto esposa do bucetaoconto vi arrebenta cu meu maridominha tia chegou bebada e eu vi ela pelada oq eu façodeu o c* não aguentou o cilindronegao enrabador e dominadorcontos menage com loira e morenaconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arrombouMe comeram ao lado do meu namoradoAtolando o pauzao na casadinha contoscontos eroticos de estrupozoofilia tesouracontos eroticos com mae e filho e pai assistindocontos eroticos esposinha e o velhaocontos de velhasCasadoscontos-flagrei.enchemos a boceta de porracontos eroticos de corno no metroconto mulher casada rabuda dei pedreirovideos de mulheres mamandoleitee no peito da outramulher escanxa no cachorro e goza gostosocomo minha esposa aguentou 23cm no rabohomem sendo estrupado en oficinaconto erotico sou casada e adoro me exibircontos tratada como puta conto desde pequena participo de orgias com minha familiasou homem quero dar o cu para uma putacontos eroticos gay me vesti de mulher pro meu machocontos mae segura filha para homem comer na marrasite onde posso encontrar contos eróticos com retrato contos eróticos n********* d********* para o cachorroContos eróticos primeira vez colégiocontos, minha filha e suas amiguinhasConto erotico de evangelicascontos eróticos comi minha vizinhacontos minha buceta nunca mais foi a mesma depois que eu trepei com seu moacircontos eróticos gay lambendo o cu do macho heterocontoseroticos cavermacontos eroticos igrejaAs minhodas aser tirado cabasu putas.comManinho me arrombou gostosoensinei o meu enteado a bater punheta : contos eróticosmenage com primo contoComtos eroticos fudendo com meu marido e nosso amigoConto erótico sobrinha avó internadocontos eroticos fiquei com um pouco de nojo mas chupei aquela buceta peludaconto eroyico hortacontos eróticos esposa negona coroa bisexConto erotico marido com duas mulherescontos eróticos me aproveitei da cunhadinha contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos - minha irmã sendo humilhadaConto porno chineladas no trazeiroFoderam gente contos tennsimpinando a bunda contomenina na punheta contoscontos eróticos crente encoxada pelo filhoconto erótconto lesbicscontos tava batando uma derrepente minha prima me pegaamiga gostosa quebrando o galho me mostra a bucetinha pra eu mastubarconto comi minha amiga peludaconto safadoContor eroticos de sexo chupada dapererecaxvidio.esfregando o pau so no short vermelinhoContos eroticos cegocotos erotico noviha dando o cuconto erotico loira casada aprendendo a traircontos de afilhada da vizinhapeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha exconto erotico velho tarado cachorroSou casada fodida contoconto erotico de gravida com consolocontoeroticoarregacadapaguei pra ele chupar meu pau conto gayconto minha esposa nadando nua em casacontos eróticos lancha