Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ME DISFARCEI DE PAPI NOEL E GANHEI PRESENTE

Meu nome é Mauro, tenho uma filha de 21 aninhos, linda, cabelos pretos, corpo branquinho, meu maior xodá, eu tenho outra filha também de 27 anos, mas mora na frança e devido a distancia não temos tanto apego, mesmo assim amo ela tanto quanto a outra mais nova, Camila tem 21 e Karen tem 27, natal de 2010, minha esposa foi visitar a nossa filha Karen, na frança, então seriamos apenas eu e Camila na comemoração, arvore de natal pronta, dia 24 eu disse a ela pra me esperar, resolvi fazer uma surpresa pra ela, comprei aquela fantasia de papai Noel, enchi o saco do velhinho de jornal, e coloquei o seu presente dentro, percebi somente a luz da sala acesa, dei a volta na casa para pegar ela de surpresa, e quando entrei dentro de casa uma surpresa pra mim também, já havia mais dois papais noéis, mas estes estavam armados, um olhando para o outro perguntando, se tinham chamado mais alguém, e balançaram a cabeça ao mesmo tempo, um deles apontou a arma pra mim e disse, esse é seu ultimo natal Noel, e quando o cara ia atirar, o outro pediu pra parar, dizendo que tinha algo melhor pra fazer comigo, ele disse que deveríamos deixar ele como pato pra ser acusado do que fez, eles tiraram minha filha que estava trancada no banheiro, e pegou ela e colocou junto comigo em uma outra dispensa que havia perto da cozinha, um lugar bem pequeno mesmo, tinha apenas algumas prateleiras pra colocar alguns alimentos, eles fizeram questão de tirar a parte da fechadura que abre a porta e trancaram nás dois, estávamos de frente um para o outro, enquanto os bandidos faziam a festa na casa, ela estava ficando incomodada com minha barba, de Noel e minha barriga falsa, mas ela não sabia que eu era o pai dela, e com aquele espaço pequeno demais, ela tentou se virar, o que ficou ainda mais complicado, pois ela se pôs de costas pra mim, e aquele corpo se esfregando em mim, já imaginava que não iria resistir por muito tempo, porque eu era muito safado com minha esposa, acho que isso é natural de família, Camila com aquele vestido bem leve, e aquela bunda se roçando no meu pau, ia ficar difícil disfarçar, eu não tinha colocado cueca, estava somente com a calça de Noel, ela sentiu algo ficando duro atrás dela, e começou a reclamar: que isso seu velho safado, esta ficando de pau duro comigo, quando os policiais e meu pai chegar vou contar tudo pra eles, mas sá ficada dizendo isso, e seu corpo começava a mostrar que queria outra coisa, sua bunda começava a se roçar cada vez mais no meu pau, e ele cada vez ficando mais duro, a essa altura eu não podia abrir minha boca, com aquele local minúsculo, não dava pra fazer muita coisa, e aquela sua bunda enorme era incrivelmente pressionada contra meu pau, ela parecia estar gostando muito, começou a fazer um sobe e desce de leve, comecei a perceber que ela ia acabar querendo aquela pica dentro dela, ela então começou a arrumar desculpas e reclamando ao mesmo tempo; deixa eu subir meu vestido, antes que esse velho tarado me coma, e ainda mais que estou sem calcinha, quando ela disse isso eu fui a loucura, parecia que tinha feito sá pra me provocar, então para provocá-la também, resolvi dar um jeito de descer um pouco a minha calça, pra ela perceber que eu também estava sem cueca, desceu o suficiente pra ela sentir a cabeça do meu pau, todo babado, ela percebendo isso fingiu que ia arrumar a parte de traz do vestido aproveitando pra roçar sua mão no meu pau, e quando sentiu ele duro e babado pela bunda dela, estremeceu o seu corpo que eu pude sentir com facilidade, então ficamos naquele joginho safado de sedução por uma meia hora, e nesse meio tempo, já não ouvíamos mais o barulho dos bandidos, acho que saíram da casa, mas já não estávamos preocupado com eles, e sim com o que rolava ali dentro daquele local pequeno porem maravilho, ela encontrou o interruptor e ligou a lâmpada, agora podia ver sua bunda roçando fácil no meu pau, agora eu já nem me preocupava mais com suas reclamações cheia de indiretas, fiz que ia arrumar minha calça sá pra me aproveitar mais dela, e nesse momento, meti a mão debaixo do vestido dela, e fingindo que estava arrumando minha calça, passava o dedo na sua xaninha toda molhadinha e doida pra receber pau, ela começou a rebolar de leve nos meus dedos, ficamos assim mais uns 5 minutos, ela rebolando como louca nos meus dedos, e já não conseguindo mais resistir, colocou a mão no meu pau, e disse; papai Noel, o que esta esperando pra me dar logo o meu presente, seu velho gostoso e pauzudo, foi ai que não queria mais nem saber se era minha filha Camila que estava ali, aquela bunda maravilhosa roçando no meu pau, homem nenhum do mundo iria resistir, pincelei a cabeça do meu pau na sua entrada e depois meti gostoso nela, ela gemendo gostoso e dizendo, mete papai, mete gostoso seu velhinho tarado, da esse presente pra mim, eu fui uma boa menina, você sabe, mereço um presente desses, bem que o natal poderia ser todos os dias não é Noel, pra eu poder receber esse presente gostoso toda noite, eu sem dizer nada, ela vem reclamar de novo, você não fala não é velhinho, é mudo, eu não abri a minha boca em momento algum, aproveitei pra segurar um pouco o cabelo dela e meter nela como se fosse uma égua no cio, ela percebeu minha respiração mais forte e meu pau batendo mais rápido e mais rápido, até que ouvimos a policia entrando dentro da casa, enquanto a policia procurava por alguém, eu estava gozando gostoso dentro da Camila, ela sentindo todo o leitinho do Noel, ela então me disse, nossa que delicia, papai Noel, seu leite é incrível, vou ficar esperando você no práximo ano pra receber meu presente de novo, e vou ser bem boazinha pra poder ganhar de todo jeito, ela nem imaginava quem fosse o papai Noel que acabara de comer ela, conseguimos nos arrumar antes deles abrirem a porta, quando os policiais abriram a porta, ficaram um pouco em duvida, se a Camila estava com olhar de felicidade ou de espantada, saímos da dispensa e fomos para sala, ela não parava de olhar pra mim e sorrir, quando os policiais pediram pra eu tirar a marcara de papai Noel, o olhar de minha filha foi de espanto, ela estava de boca aberta, e arrumou uma desculpa dizendo que estava precisando ficar sozinha, disse a eles que ela deveria estar preocupada com algo que foi roubado, eles fizeram uma vistoria na casa, e disseram que eles roubaram apenas algumas coisas de valores, depois de toda confusão fomos dormir, não teve comemoração nessa noite, no outro dia minha esposa ligou dizendo que ficou sabendo por uma vizinha, e queria saber se estávamos bem, dissemos que sim, Camila meio que confusa ainda, quando minha esposa disse que estaria voltando no dia seguinte, Camila logo respondeu sua mãe que não deveria se preocupar e que poderia aproveitar bem o final de ano que ficaríamos bem aqui, nos despedimos e depois que desligou o telefone, ela olhou bem nos meus olhos e disse, Papai agora que sei que era você na dispensa, vou querer esse presente todos os dias, eu meio sem o que responder, ela simplesmente se abaixa e começa a pagar um boquete sem vergonha alguma, a partir desse dia, foi pau pra toda obra, e final de ano fomos pra nossa casa em ilha bela, e comi minha gostosa filha Camila de todos os jeitos possíveis, e ela adorou dar o cuzinho dela pra o papai, agora sempre que minha esposa viaja é pau na filhinha, ela adora essa situação de cumplicidade e segredo, da mais tesão ainda.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


eu e minha filha ficamos viciadas no pau gostoso do meu tiocontos eroticos corninho safado titio caralhudo noiva putinhacontos erotico goi arrumar o chuveiro e me comrumulheres agachada com blusa folgada aparecendo o bico do peito vídeocasa do conto erotico filha da patroa em reforma do aptcontos cu da minha prima escondido no paiolFoderam gente contos tennsconto adoro cu de casadacontos eróticos meu patrão assinou um contrato comigoconto erótico vizinha no baile funkcontos eroticos/ á mulher do meu cunhadoconto erotico viadinho vestindo as calcinhas pro velhocontoseroticos minha madrasta trai meu pai comigoComtos casadas fodidas pelos empregados do maridocontos eroticos-estuprei minha irmaconto eróticos mana so de calcinhaCasada narra conto dando o cuContos eroticos mulher do pastocasada recebe proposta indecente contoscontos que gozada ela deupai da minha amiguinha mostrou o pauluizagozou no analcontos eróticos um casal transando na sala enquanto os pais tiram um cochilopprn contos eroticos casada se prostintuindosite onde posso encontrar contos eróticos com retrato Conto eroutico espora come maridotia tranzando com sobrinho cabassaocontos dando para o exConto porno de estuprada por pai da mim amigaContos namorado castrado pelo a sograso mrninas na mastubando n causinha toda melada video mobilconto erotico minha mulher nua na frente do paiFoderam gente contos tennsConto tia a massageava o paucontos minha mãe me seduziu usando mini saiaapalpadinha na bunda.contoCorno ama namorada use chortinho de lycra marcando buceta contoscontos eroticos baixinhaContos eróticos a noite todameu marido fez eu ultrapassar tds os limites contos pornosna quarta feira de cinzas contos de sexoFoderam gente contos tennscontos porno heteros'na adolecencia brincando de esconder meus amigos me comeram'Contos eroticos comi a força a minha tiacontos de novinha sendo estuprada no caminho da escolacontos deu o cuzinho por um celularConto erotico gay rasgaran meu cucache:sU9kWxVzUNAJ:idlestates.ru/conto-categoria-mais-lidos_8_26_teens.html contoseroticos sonho de maninhaContos eroticos com a mae da namoradacontos eróticos de professoras gostosas transando muito gostosocontos escola sexoconto erotico viadinho de calcinha dormindo no sitiocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos/casado depilei a bundinhacontos com fotos de zóofilia de casadas que curte sexo com animaisconto eróticos zoofilia estrupei cadelaesposa chupeteira contoscontos etoticos meu marido faz eu dar para trassehomen em purra seus ovos no cu de brunacasa dos contos mae e filha xupação de bucetacontos eroticos gosto de levar piça no cu e porradacontos eróticos ela virou amanteconto erotico abusada varioseu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoconto monte de calcinhas sem lavarconto erotico trepei na minha tiaporno doido sumindo um emorme prinquedo na pusetaContos erótico lutinhadeixa eu botar meu pau na sua bandeirinha conto eróticoConto porno chineladas no trazeiroContos porno de irma que traem com grandecontos eroticos "cadela" "fome"velho zinho tarado contoscasa do conto erotico velhashttp://porno contos eroticos de meninas virgenscontos de travecos comedoresconto eroticosde meninas q vai no baile funk sem calcinhae de vestidinhoandrossi Comi o c* da afilhada dormindo bêbada pornô pau bem grande no c* dela e ela nem sentecontos eróticos a crente peituda de vestido leveconto erotico adoro mostrar meu bumbumtoda loira gosta de um negão contos eroticosconto erotico meu avocontos eroticos do filho foi da banho na mamae e ficou de pinto duroso contos de gay sendo aronbado por varios machos