Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU E MILHA FILHA, LOUCURA

Eu e minha filha, loucurarnrnrnrnMe chamo Wagner, 45 anos, separado já à 19 anos , e minha filha Carla, hoje com 20 anos.rnrnEu sou branco , 1, 67 , 70kg olhos e cabelos castanhos, ela branca, cabelos aloirados ( puxou a mãe) também 1,67 65kg , olhos castanhos esverdeados, corpo que toda mulher gostaria de ter, coxas grossas seios durinhos, tamanho médio.rnrnà cerca de um ano , a ex esposa teve que viajar pela empresa , e ficaria cerca de 6 meses fora, assim sendo, Carla veio morar comigo por uns tempos.rnrnJá fazia algum tempo que não a via.rnrnComo moro sozinho, já nos primeiros dias ela já se sentia à vontade com um quarto sá para ela.rnrnEla estava na faculdade e nos víamos poucas vezes durante o dia, também devido ao meu trabalho.rnrnUm dia quando cheguei do trabalho, deixei as coisas na mesa da sala e fui direto ao banheiro para um banho relaxante, a porta estava entreaberta e entrei como sempre, foi quando me deparei com Carla nua, se enxugando ela se virou para mim e também levou um susto deixando a toalha cair de suas mãos.rnRapidamente, procurou cobrir seu corpo com as mãos, mas não sem antes eu puder ver tudo.rnrnEla já não era mais a garotinha do papai, e sim uma mulher , seios lindos , durinhos e branquinhos com marca de biquíni, uma bunda escultural com coxas grossas e lisas, e uma buceta toda raspadinha, aparecendo a racha.rnrnAo ver isto , mesmo que por instantes , meu pau deu sinal de vida, ao qual procurei me virar e desviar as idéias.rnrnSaí do banheiro pedindo desculpas, ela se vestiu e veio a mim pedindo também desculpas por deixar a porta aberta.rnrnTomei isto como um fato isolado.rnrnAlguns dias depois no sábado , estávamos os dois em casa de bobeira, ela como sempre bem a vontade com uma mini saia e blusinha sem sutiã.rnrnEstava tomando cerveja e ela pediu para tomar também, ficamos batendo papo e de repente ela pergunta o que tinha visto, eu disse a verdade, vi tudo, mas não há porque se preocupar, pois já troquei muita fralda sua.rnrnEla sorriu, e disse, para pai, e perguntou o que eu tinha achado do corpo dela, se era feio etc.rnNovamente fui sincero, e disse que ela estava um mulherão , e que os rapazes deviam dar em cima dela.novamente ela sorriu.rnrnAs horas passaram sem que nada de anormal ocorresse, mas as vezes vinha na memária o que tinha visto.rnJá a noitinha estávamos na sala vendo tv e conversando, e quis saber mais sobre ela, se tinha namorado , e se prevenia , se a mãe já tinha conversado sobre sexo etc.rnrnEla me respondeu meio sem jeito, que a mãe não aceitava falar do assunto e que já não era mais virgem, pois numa viagem na casa dos avás tinha ficado com um garoto, mas nem gosado tinha, pois chegou gente na casa e tiveram que se vestir rapidamente e ir embora.rn( esta foi o único contato com um garoto ate então)rnrnPerguntei se tomava anticoncepicional e se tinha usado camisinha, ela respondeu que não , que não tomava, pois não tinha namorado e que nem sabia como usar camisinha.rnNeste momento , como pai, me preocupei com o assunto e achei melhor instruí-la de forma correta.rnDisse que jamais fizesse sexo novamente sem camisinha até casar , e que procuraria um ginecologista para indicar um anticoncepcional, afinal nesta idade os hormônios estão à flor da pele.rnApesar do assunto delicado, o papo estava descontraído e ela já não estava mais envergonhada , e me perguntou, pai , como se usa camisinha?rnRespondi:rn¬- Bem , as camisinhas são de látex e vem enroladas, então com o pênis duro , aperta-se a ponta e desenrola sobre o pênis ,rn- mas como assim, não entendi? rn-Tá bom Carla , espera !rnFui ao quarto onde tinha algumas , peguei e voltei, abri desenrolei e simulei no meu dedo, - Ta vendo filha, é assim !!!rn-Ahhhhh, mas pai.... , posso falar uma coisa? ? sim claro filha..rn-É que sabe.. ( meio sem jeito e com muita timidez ) , eu nunca vi um, sou muito tímida, tenho muita curiosidade sabe.... mas muita vergonha.rn-mas você não disse que não era mais virgem? ? sim , mas estávamos no quarto , tudo escuro e alem do mais foi muito rápido , tiramos a roupa e ele já veio colocando, mal colocou , quando tava passando a dor e ficando gostoso parou , nos vestimos e fomos embora.......rn-hummmmm, compreendo , vem cá, levei-a até o computador que estava ligado e puxei umas fotos de pênis flácidos e duros e mostrei a ela apontando aqui é a glande, corpo, base, saco e testículos , mostrei também onde ficava a prástata numa ilustração.rnEu estava disposto a ajudá-la sem nenhuma sacanagem, ela olhou com interesse e disse- mas pai.... não é a mesma coisa, fotos eu já vi..... é que com você eu me sinto segura..... não me sinto tímida .....rn-mas não é certo, sou seu pai... ?eu sei , por isso mesmo, sei que não me magoaria!!!!!!!rnEssas palavras mexeram comigo, eu não sabia o que fazer, parei por uns instantes, pensei.....rn-você sá quer ver? É isso?rn-sim, sá isso... por favor.....rn-está bem , mas ninguém pode saber à respeito.... ? eu sei será nosso segredo.rnBem, abri a bermuda e tirei para fora, e já estava dando sinal de vida, eu tentava disfarçar e pensar em outra coisa.- olha, aqui é a cabeça , ela olhava com os olhos arregalados e brilhantes, mostrei o corpo a base, o saco ? Pai. Que esta cicatriz no saco? ? minha vasectomia , expliquei o que e porque era, estava me segurando para não ter ereção.rnEla não tirava os olhos, - e como põe a camisinha?rn-Ai tem que estar duro, senão não é possível.....rna essa altura , percebi os bicos do seio enrrigecidos, me veio pensamentos. Tentei mudá-los.rn-faz ficar duro então..... ? filha... sou seu pai.... não podemos.. ?ahhhhh pai......rnde novo mexeu comigo ? faz assim... pega e mexe com a mão ......rnProntamente ela o fez e meu pau ficou duro como rocha, peguei a mão dela e ensinei o movimento ? Nossa Pai, como fica grande!!!!! Já me masturbando, eu já não aguentava mais essa situação, não sabia onde ia dar, mas o tesão tava tomando conta.rnPara disfarçar, perguntei.... ? O que você fez com o garoto? Chupou? E ele te chupou? O que fizeram? ? pior que nada , ele foi direto ao pote papi.....-posso experimentar? ? o que? rn- hummm , chupar? - ta doida? Mas ela já estava se abaixando e colocando na bocarnEstava extasiante aquela chupada , sua boca macia abocanhando a cabeça e lambendo, não aguentei, puxei ela pelo braço , - vem cá, e a levei ao quarto, - deita aqui na cama, papai vai te ensinar ..... rnEla se deitou , tirei a bermuda e cueca, fui ate ela e comecei a tirar sua blusarn- Tenho que ficar pelada também? ? sim . então ela mesmo rapidamente se livrou das roupas, ficando nua e deitou-se na cama ? e agora? rnDeitei ? me ao lado dela , rapidamente ela pegou de novo no meu pau, beijei seu pescoço e ela apertou meu pau soltando um suspirornComecei a massagear um seio depois o outro, em seguida chupando-os, ela suspirava e gemia, fui descendo até sua grutinha, estava um cheiro maravilhoso e comecei a chupá-la.rnEla gemia e suspirava se contorcendo. As vezes dizia ? hummm que delicia , que gostoso.rnDeitei junto a ela, e começamos um 69 que durou uns 19 min. Então ela gosou na minha boca enchendo com seu melzinho delicioso.rnMudei de posição e fiquei olhando para ela , ambos deitados de lado , ela olhava para a minha boca, foi então que a beijei, ela me puxou , eu ficando por cima, meu pau procurou sua xaninha, e sem nenhum esforço foi invadindo aquela buceta novinha e cheirosa, conforme foi entrando ela falou ? Aiiii que deliciaaaaa. Da outra vez sá doeu , agora ta gostosoooooo, começamos a meter de forma alucinada e ela gosou novamente , desta vez no meu pau.rnColoquei ela de quatro , colocando agora por trás, metendo na xotinha dela com volúpia e vendo aquela bunda linda, o que me fez gosar em poucos minutos.rnFicamos deitados um ao lado do outro para nos recompor, e iniciamos de novo, desta vez , chupei o cuzinho dela também , lambendo alternadamente a buceta que havia acabado de gosar e o cusinho ainda virgem.rnNesta noite , demos mais duas metidas muito gostosas ,onde ela gosou mais algumas vezes,rnNo fim , ela quis fazer eu gosar com uma chupada, o que fez com maestria, gosando eu em sua boca.rnà partir deste dia passamos a dormir juntos , o que permitiu ensinar muito mais à ela, o que contarei numa práxima oportunidade.rn rnrnrnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos dotadoconto erótico homem gordo nojentoconto erotico gay da primeira vez do homem casadoMae brincadeira bunda conto eróticofui criado para ser gay Contoscontos eroticos eu minha esposa rabuda e meu tio na praia de nudismosexo.pirralho.fode.a.sogra.do.irmaocontos eroticos minha esposa da bunda gostosa dando pro mendigo do pau enorme eu vendo tudocontos de cú de irmà da igrejacontos eróticos casadasomos putas no colegio contoscontos eroticos aluninhacontos eroticos casado medico gordinhominhas netinhas gêmeas virgens contosTennis zelenograd contosou casada mas sou fissurada em paucontos eróticos verídico no escritórioconto erotico gay negao escraviza viado afeminadoConto erotico socando rolacontos eroticos coroas velhas com novinhos tia neuzacontos eroticos gay meu pai me comeucontos eroticos de velhos iperdotados comendo mulheres casadasxvidio amaciando a esposacontos eroticos vi minha filha com uma calcinha fio dental atolada no cuFoderam gente contos tennsFoderam gente contos tennsmeteu na vavina contoNovinha Bebi porra do meu amigo contoMulher que fica çarando o priquito uma na outra ate sair galasardentinhas ninfetascontos erotico a calcinha da voFlaguei a baba do meu filho metendo com travesti roludo contosmehlores contos eroticos orgamos com paiconto atochada corno xxxxvidiominha pica é maio doque a do seu maridocontos eroticos meu amigo nos embebedo para comer minnha esposacontos eróticos gay brincando com os amiguinhos na infânciacarlão socando ate as bolas no cu da vadiavideos de homens que dao palmadas fortes na buceta pelada da mulher sem dosoquei a rola na sogra contocontos eroticos de comi minha. sograxcontos eroticos.com casada gostosona deficienteler contos de padres tarados estrupandosboneca malhada me comeupeguei carona com caminhoneiro conto sexocontos tiraram a roupa do meu marido e me comeram na sua frenteContos irma mais velhaestoria de cantos erotico minha tia sentou no meu colo e comi elaver treis mulle fazendo travesti cozahomens velho gay contoscontos eróticos meninas de 25 anos transando com a calcinha preta com lacinho vermelhocontos eroticos "cadela" "fome"o namorado da minha mulher contosconvidando o amigo para arromba o cu da namoradameu sobrinho e eu no carro.ctospropria porra dedos no cu consoli xonto eroticocontos como presenciei um cachorro fudendo uma cadela até engatarQuero treinar o vinha perdendo a virgindade da bucetinhaesposa liberando para amigos no acampamento contomulheres adoram ficar peladas cheio de manteiga no cuContos eroticos de mulheres de 60 anosfio dental trabalho contospornotrasandocomatiacontos eróticos jogando com a amigaMeu nome é Luiza, tenho 26 anos, 1,70 mContos vamos comer o cabacinho delaenrabado na cadeia contossexo com o ex marido contisContos de shemales taradas e safadas do pau gostosos.contos de putaria casal com garçom doutadodesabafo sou casada trai meu marido com eletricistacontos eróticos irmãconto erotico cdzinha arrombada por dois negoescontos eroticos, dei a buceta pro traficanteme comeram contos teencontos eroticos meu aluno