Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A MÉDICA E MINHA BUNDA

Oi , eu tenho que contar tudo o que aconteceu comigo recentemente. Pra você me conhecer melhor, sou casada há 19 anos, mãe e mulher dedicada. Minha vida sexual não anda boa, não transo há muito tempo mas ainda tenho tesão pelo meu marido. rnrnMesmo assim, não deixo de olhar ao meu lado, ver os pintudos que existem por ai e me imaginar sentando devagar em uma rola daquelas, digna de uma bucetinha carinhosa como a minha. rnrnMas não foi com eles que me deliciei e sim com ela. A coisa aconteceu um pouco diferente do que imaginei. No meu trabalho, senti uma fisgada (parecia uma agulhada) na minha bunda, e não liguei. Durante uma reunião senti outra e outra....decidi ir ao banheiro ver o que estava havendo, mas era muito difícil.rnCheguei em casa, tomei um banho e deitei de bruços pelada, pedindo pro meu marido ver o que estava incomodando na minha bunda. Abri a banda com as duas mãos deixando minha bucetinha e meu cuzinho a mostra pra ele. Ele respondeu...?não é nada não, parece que você foi picada por algum inseto, pode se vestir?. rnrnFiquei muito brava e decidi que daria a bunda pro primeiro que quisesse....assim foi já no dia seguinte...deixei me encoxarem no ônibus, cruzava as pernas pra qualquer um...sai pra tomar alguma coisa com um amigo do trabalho mas...não consegui passar de um beijo molhadíssimo de língua....ficamos ai mesmo.rnrnMas voltando a picada, ainda continuava doendo. Queria uma Picada de verdade entrando em mim, mas o máximo que tinha conseguido foi um inseto...e dos quentes...rs rsrnrnDecidi procurar um médico para ver o que estava acontecendo. Fui logo cedo e dali iria trabalhar. Eu sou mulata, tenho 1,75 de altura, cabelos longos até abaixo dos ombros e encaracolados, lábios grossos, seios pequenos mas com um bico bem marrom e pontiagudo quando fico com tesão, tenho quadril largo (112cms) e sou do tipo bunduda com as coxas grossas também, mas tudo proporcional na minha altura. rnrnEu fui vestida de uma saia acima do joelho, toda florida e uma camiseta cor de rosa bem leve. Quando entrei no consultário, o médico agendado não estava e a moça da recepção pediu para eu ficar em uma ante sala esperando para ser chamada. Ouvi meu nome: Marcia (sobrenome) em alto e bom som.rnrnFui até a sala, fechei a porta atrás de mim e me virei, vendo uma loirinha novinha, baixinha (seus 1,60) mas desproporcionalmente peituda. Ela estava sem jaleco, somente com a calça branca (hiper apertada) e uma camiseta branca quase transparente , fina e branca. Dava pra ver os contornos dos peitos saindo do sutiã, quando eu fixava o olhar. Eu tenho 32 anos e ela tem (confirmei depois) 27 anos bem vividos, pois é uma loira linda de cabelos lisinhos com mexas brancas, olhar calmo e sereno e uma boca grossa. rnrn- Oi , tudo bem? o que tá acontecendo? ? perguntou a Dra. Michelernrn- Oi doutora, muita dor aqui (apontei com o dedo pra bunda)...rnrnEla riu...rn- o que andou fazendo...?? rs rs rnrnFiquei surpresa e ao mesmo tempo a vontade com a pergunta....dai engatei a resposta...rnrn- Pena que não dei pra ninguém...é um inseto mesmo...rs rsrnrn- Hummm...rs rs...deita de bruço na maca pra eu ver o que nás temos....rnrnEla foi para o banheiro lavar as mãos e eu fui para traz do biombo , perguntando...rnrn- Tiro a roupa?rnrn- Pelo menos a saia, pra não amassar.rnrnTirei a saia e fiquei morta de vergonha....senti que minha calcinha tava um pouco molhada....mas mesmo assim deitei de bruços e pra deixar um pouco de lado o medo, abri levemente as pernas...rnrn- Oi voltei...uau....que picada....foi sem dúvida um inseto....rnrnSenti aquela mão macia apalpando minha bunda ,depois examinando com cuidado cada parte..rnrn- tenho que olhar se não foi nada mais sério....rnrnSenti seus dedos entrarem no meio das minhas coxas, bem perto de minha bucetinha....aos poucos senti seus cabelos grandes e loiros roçarem na minha bunda, quando sua mão roçou na minha bucetarnrn- aiiiii....hummm....rn- tudo bem? rn- tudo...tudo...(foi o que consegui dizer bem baixinho e muito ofegante...muito mesmo)rn- tira a calcinha que vou passar um creme protetor ta bom?rnrnDai não respondi mais por mim....senti um tesão louco...de bruço mesmo joguei a calcinha longe e abri bem as pernas pra mostrar minha buceta peludinha e bem aparada toda molhada....de troco senti uma camiseta sendo jogada na minha cabeça...depois vi uma calça branca sendo colocada na mesa....deduzi que a Michele estava peladinha....rnSem virar de frente senti seu corpo deitando sobre o meu....rebolando...beijando minha orelha...lambendo atrás de minha orelha, puxando meu cabelo pro lado e deixando meu pescoço pra ser chupado e lambido, com a língua molhada descendo pelas costas, chegando na minha bunda. Arrebitei o máximo que pude. rnSenti um beijo carinhoso no lado esquerdo, depois direito...senti depois as duas mãos delicadas abrindo minha bunda. Não como quando dou a bunda, sinto aquelas mãos másculas abrindo pra ver meu cuzinho e logo enfiar aquela coisa gostosa....senti carinho com a Michele, respeito....tudo no nosso tempo.rnEla abriu bem e me pediu pra ficar de quatro. Fiz isso da melhor forma e tesuda que pude, mostrando o que tenho de gostoso que é minha bunda e pernas. A língua da Michele entrando na minha buceta não pode ser descrito em palavras. Eu comecei a chorar sem parar e rir ao mesmo tempo...rebolava naquele rostinho angelical loiro com minha buceta encharcada de gozo...gozzzzzzeeeiiiiiiiii...muitto naquele rosto.....rnEm um segundo fiquei de pé e trouxe ela comigo encostando ela de frente na parede, apertando nossos corpos um contra o outro...peito com peito, roçando nossos pelos de frente e dei o melhor beijo de minha vida. Engoli a saliva da Michele de olho aberto, pra não perder um segundo daquela boca colada na minha....que cena...aqueles olhinhos fechados e seu rosto e boca colado na minha....nao acreditava que estava beijando aquele avião de mulher. rnDesci um pouco mais e fiquei cara a cara com aqueles peitões enormes com o bico rosado e bem grandes ...mordi de leve o bico de cada seio...lambi com carinho e enterrei na minha boca...carnuda!rnAinda com o gosto de meu gozo que senti na boca da Michele, desci para sentir o seu...que já escorria pelas pernas....lambi de leve....abri os lábios daquela bucetinha que claramente metia pouco, muito pouco. Enfiei dois dedos sem dá e comecei o vai e vem....muito forte....ela gritou muuuiiito alto pra gozar......rn- rápido se veste....ferrei tudo...rs rs...disse rindo......alguem vira pra ver o que aconteceu....ai ai...rs rs ? ela ria de tesão e medo ao mesmo tempo de ser descoberta. rnNão tem coisa melhor do que se vestir e abraçar de frente uma mulher que acabei de transar...nossos corpos ainda estavam sintonizados e molhados de gozo....deixei minha calcinha de presente pra ela e pedi a dela, que fiz questão de usar depois e sentir o cheiro daquela bucetinha que não tive a oportunidade e prazer de terminar de comer....rnSai do consultário toda descabelada e sob o olhar de desconfiança de duas mulheres que estavam na sala de espera, pois a Michele grita muito quando goza.rnUffa...acho que tenho que tomar um banho pra me acalmar, pois to louquinha de novo....rnrnMe escreve e manda foto sua...quem sabe a gente não se examina em um consultário também...rnrnMeu email [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos comi a bunda da minha tia enquanto meu tio dormirQuero ler,contos homem fudendo menino de rua novinhoQuero ler,contos homem fudendo menino de rua novinhoMeu namorado virou corno contos teenconto erotico meu filho me chapoucontos eroticos amante vs mulhermeu marido me convenceu a ir na praia de nudismo vi tanta pica grande e grossaMulheres da bucetona contando seus contos eroticosensinei o meu enteado a bater punheta : contos eróticoscontos papai quase me rasgou na picaCont erot tic dormindocontos gay educação fisicacache:ZlVInsUtxOIJ:https://idlestates.ru/conto_16496_o-flagra-de-papai.html bucetas ticos grelostravesti seduz o entregador de pizza e mete no cu deleconto trai meu marido com meu filhosmenininha conto eroticocontos eróticos homem de 60dominador pé gostosocontos eu e meu. irmao comendo a minha mulhecontos ela punhetava todosVou contar como meu marido virou cornoe menininhascontos eroticos dcontos eroticos esposa mini saia e bota cano longocontos comedor de casadas alphContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas pedindo massagemcontos gay me depilando e pego no flagracontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos bolas cheias de leitecontos eroticos primeira vez de um homem com outrominha sobrinha eu vou sempre fuder ela no motel conto eroticocontos eroticos no consultorio medico tomando injeçãoContos de casadas domesticas fudedeirasvideo porno de garotinhas com olhinho vidradocontos eróticos de milhares casa assediada pelo vizinhocontos eroticos exibindo minha esposa no banhocontos eroticos fui surpreendidocontos porno estuprarão meu marido na minha frenteConto eritico meu pau n cabia na minha irma entrou e deixo td arrombadacontos eroticos negao come meninohistorias eroticas de mulheris que tranzarao com emteadoContos de de homem tarado -quando Abaxei e me Fodeu gostoso onlineEu e minha prima na praia contosContos como foi a primeira punhetinhacontos eroticos papai gozando na minha bocavídeos porno negras barriguda caidaconto erotico gay coroa cavalao faz viadinho chorarContos eroticos estupros coletivos veriticoscontos eroticos corno gayContos erotico visinha na,area de lazedconto erotico levei rola do meu amigocontos herticos eu i meu pai ele me chupou enquanto dormiacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos a religiosa casada contos eroticos meu filho me fez gozarpelado amarrado contosdeixei minha filhinha brincar com meu pau coltos mae short filho conto incestocontos fode mesmocontoseroticos cavermacontos filhanao aguenta a geba d pai no cuaniversário mãe filho contos eróticoscontos de corno acampandoviagei com minha sogra pra praia ela me deu ate o rabo contosver gostosona sexo entre parêntesescontos eroticos de tia masturbacaocadastro dormindo e Thiago chupando seu pauconto erótico gay mamei e tomei porra do guarda heterocontos eróticos - dando carona pra duascontos veridicos por garotas teenshistória de contos eroticos novinha sentou no meu colo dentro do ônibus na viagemcontos erotico incesto virei a cadela do titiocontos erotico troca de casais fiz um churrasco incestoConto porno prima virgenscontos eroticos traindo marido na viajandocontos tranzei com a minha neta