Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

RAPIDINHA NO ESCRITÓRIO

Olá amigos leitores,rn Para entender melhor este relato, ele é uma sequencia do conto anterior (Reencontrando a amiga), onde conto meu reencontro com Valesca, uma loirinha de 1,60 de altura de olhos azuis e uma bundinha gostosa. Pois bem, depois dessa transa que tivemos no motel na hora do almoço, nosso fogo aumentou... E na segunda-feira, ao chegar na obra,por volta das 8hs, Valesca veio logo falar comigo, me dando bom dia sorridente, percebi o sorriso malicioso...Passei alguns serviços de prioridade para o pessoal, dei uma olhada nos serviços que estavam sendo feitos e por volta das 10hs, estava na sala de engenharia, Quando a Valesca entrou e veio me mostrar algumas planilhas. Ela se colocou ao meu lado e me mostrava as planilhas e volta e meia eu sentia ela roçando a xoxotinha em meu ombro, então olhei prá ela, que me retornou o olhar e sorriu passando a língua no lábio...Passei minha mão na xoxota dela por cima da calça jeans e dei uma apertada e ela deu um suspiro, fechando os olhos e segurou minha mão... E depois saiu da sala voltando prá sala técnica.rn Tentei me concentrar então no serviço, mas confesso que minha rola estava dura, e a cabeça não conseguia fixar nos números...rsrsrs. Então eu passei um ramal para a sala técnica e pedi que ela viesse até minha sala para resolvermos umas diferenças de quantitativos... Quando ela chegou, pedi que fechasse a porta e puxasse uma cadeira ao meu lado para vermos tais quantitativos. Assim ela fez, Comecei a perguntar algumas coisas, e coloquei minha mão sobre a coxa dela e fui alisando e ela me respondia...Fui subindo minha mão e cheguei até a bocetinha dela, e fiz mais uma pergunta quanto aos serviço, mas ela não conseguia responder...Ela exalava sexo, com minha outra mão abri o zíper de minha calça e coloquei minha rola prá fora e puxei a mão dela levando de encontro a rola. Ela segurou e começou a masturbar lentamente. Derrepente a porta se abriu, era um de nossos encarregados, que não viu melhor a cena, pois estávamos eu e Valesca do mesmo lado da mesa que encobriu a visão dele. Perguntando algo relativo ao serviço, falei prá ele e disse que depois que terminasse o levantamento com Valesca iria passar no trcho para dar uma conferida, ele então falou que tudo bem, pedi prá que fechasse a porta para que nos concentrássemos melhor. Assim que ele fechou a porta, Valesca voltou a punhetar e depois de uns cinco minutos assim ela abaixou a cabeça sobre meu colo e começou a me chupar gostoso, enfiando minha rola até a garganta e depois vindo e concentrando na cabecinha enquanto punhetava o que restava. Me chupou por uns dez minutos e eu a peguei e coloquei apoiada na minha mesa e desci sua calça até quase aos joelhos e coloquei sua calcinha pro lado e encostei minha rola na bucetinha dela e fui empurrando devagar, sentindo cada centímetro da mina rola ser engolida pela buceta dela que soltou um gemidinho hummmmmm!rnSoquei minha rola cadenciadamente e ela se segurando prá não gemer alto. Até que ela olhou prá mim e disse soca fundo que eu tô gozando Ahhhhh ai issooo! Ahhhhhhhh!!! E dobrou o joelho, não aguentado sustentar o corpo na posição, então eu a segurei. Fui até porta rápido e coloquei uma cadeira escorando a porta e voltei sentei em minha cadeira ea puxei para sentar de costas na minha rola, ela subia e descia fazendo movimentos cadenciados e aproveitando o melado do gozo dela eu pedi prá ela sentar com o cuzinho na minha rola e ela disse: Tá doido quer acabar comigo! Eu falei que assim ela controlaria e que eu tava doido prá comer o cuzinho dela, mas ela continuou cavalgando na minha rola.rn Falei prá ela que tava quase gozando, que tava muito gostoso, ela então tirou minha rola da xoxotinha dela e colocou na portinha do cuzinho dela e foi forçando fazendo caretas e dizendo baixinho: Ai caralho! Que pau grosso....ahhhhh assim não vai entrar! Maa minha rola estava bem molhada devido o gozo dela e não demorou rompeu o anelzinho e a cabeça alojou-se dentro do cuzinho dela que soltou um Ahhhhhhhh! Puta que pariu!! E parou, ficando quietinha com a cabeça do meu pau alojada no cuzinho . Coloquei minha mão no xotinha dela e comecei a massagear o grelinho dela e ela foi relaxando e rebolando fazendo min há pica entrar mais um pouco. Mas percebendo que ela, não desceria mais o corpo, eu me levantei da cadeira ainda engatado no cuzinho dela e novamente a apoiei na mesa e devagarinho fui fazendo um vai e vem, mas estava sentindo meu gozo chegando...E comecei a cadenciar o ritmo das estocadas e uns cinco minutinhos depois não aguentei e disse que ia gozar. Ela gemia num misto de dor e prazer Ahhhhh! Goza nesse cú que você tá arrombando seu filho de uma puta!!! Ahhhhh quando eu soltei meu primeiro jato de porra dentro daquele cú, ela começou a tremer o corpo e dizer tô gozando porra! Ahhhhhhhiiiiimmmmmm!!!! Ahhhhh!rnSoltei uns quatro jatos de porra dentro daquele cuzinho que piscava espremendo minha rola, que estava metade dentro dela!!!rnNos recompomos e depois de uns cinco minutinhos saí da sala e fui na copo tomar uma água e beber um cafezinho, depois ela saiu da minha sala com uns papéis na mão e passou por mim no corredor, indo prá sala técnica, como se nada tivesse acontecido, pois não podemos deixar o restante do pessoal desconfiar.rnE tem sido assim... Toda vez que chego e estamos com tesão, ou vamos a um motel na hora do almoço ou se o tesão for muito grande é no escritário mesmo que damos uma rapidinha prá aliviar...rsrsr Detalhe, agora ela diz que adora dar o cuzinho prá mim, pois tá mais acostumada e o marido dela não é muito fá de comer um cuzinho...Que bobão, não sabe o que está perdendo.rnAbraços!rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos aluninhacontos eroticos esposa marido e sogroContos eroticos violento seiosTrai meu marido e o cara comeu meu cu aforsa vou contar como foicontos de cú de coroa religiosatitio me fez gozar com shortMeu padrastro negro fodeu minha cona. Conto erótico heterossexual.Sentir tezao por tênis feminino e normalcontos de cú por medocontos eróticos entrr amigas e irmãoporno gey contos eroticoscontos eroticos puta comida pelo vizinhocontos eroticos de amigas na florestaesperma do meu filho contos incestosconto de sexo ele e ela me comendo muita tapacontos eroticos de primeira vez gueys com vizinhocontos eroticos o ventocontos meire me dominamenina de menor fazendo filme pornô com minha Dududormindo é acordada sendo mastubarda pela madastra contosContos eróticos Gay, Dei o cu pro vizinho no terreno baldioComtos tia e sobrinha fodidas pelos amigos do tiocontos erotivos gay levando pau do diretorna piscina com minha sogra contospornô mobili com coroa e vamos até gozarzoofilia casada conto xacraVi meu comendo o cu contosCONTO CRENTE DANDO A BUCETAPutinha De Rua Contosvendi a buceta/contoContos picantes de rapidinha no acampamento (traição)mae amigo contocontos trai meu maridoGozando nas tetinhas contos eróticosconto erotico gayzinho se vestiu de putinha pra dar o cuzinhominha tia travesti contosirmaozinho gostoso conto gaycontos eróticos com vizinha viúvaconto erotico minha vo ficou de sutiamulher goza gostoso loucamente deliranteconto erotico entro dois no mesmo buracoconto comir avo bundãoconto sexo vilma e bety rabinho doendocontos minha mae se exibindo para mconto erotico bem picante10 aninhos ja fodi contoscontos de coroa com novinhoContos bct larga adoroocontos eróticos gay Proibidos - Desde Cedo no meu maninhochorei no cacete conto homozueiras mais gostosas e fogosas da bunda grande e pernas grossasver contos excitantes com fotos,na praia,no onibus e no mato.contos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idadechupando buceta soltando fumaçaa trois com minha cunhada Sou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eroticos fui cuidado meu sogro e ele viu meus pritoscontos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idaderelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasvi minha filha sendo arrombada contosConto gay - "com meu pau atolado no cu"conto comi minha sobrinha na pescariaconto erotico traindo o namoradodei minha buceta pro traficantefico de shortinho na boleia do caminhaoComi o cu da paulistinha contoscontos eróticos crueldade com cornoconto eroticos comendo a irma de perna quebradacoloco sobrinha no colo contocontos eróticos - seduzido no onibusContos eroticos meti na buceta e meu amigo no rabao de minha esposacontos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoestocou meu seio sem querer incesto contosobrinho dopa sua tia historia eroticaAdoro usar shortinho feminino e calcinha fio dental afeminado contoso pau do. Amigo.do meu marido e lindo contosflaguei minha esposa varias veses se masturbanocontos de cú de irmà da igrejaminha esposa tem 1.60cm d bunda enorme contosminha esposa armou pra eu ser arrombado por um travestiscontos eróticos soco sacodei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticoas cavalona da bundao inacreditavelconto porno teen gay free mulato favelaconto peguei meu irmao assistindo filme pornoSou gay e tranzei com um travest contos eroticowww.eu aronbei minha sobrinha de doze anos de idadecontos dei pro mulato amigo do meu maridoconto - ela pediu ajuda das amigas para perder o cabaçocontos eroticos marido da minha conhada safadoeu meu amigo e sua namorada contos bimeu sobrinho gordinho e gay tetudoContos eroticos sobre irma fazendo faxinafui bolinada na.mesa junto.com.o marido.contoscontos eroticos minha mae me seduziu com sua bundonacontos-meu cuzinho contraindo no teu dedohumilharam meu namorado contosa caminho da caichoeira deu o cu pro amigo netinovinha de calcinha fudendo com velho contosminha cunhada gosta de piroca grossa,contos e relatos eroticos