Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA SURPRESA EXITANTE

Sou casado com uma bela mulher, tenho 37 anos e o ocorrido aconteceu alguns meses atrás.

Trabalho como consultor empresarial e fui contratado para atuar em uma empresa na cidade de São Paulo.

Minha secretária fez todos os acertos para a viagem como pasagem aérea, aluguel de carro e hotel. Porem quando cheguei ao hotel onde foi feito a resersa, houve um problema no computador e acabou deletando o que me causou um pequeno transtorno no início. Era tarde, perto das 2:00hs da manhã quando cheguei ao hotel. Não tinha condições de sair a procura de outro local. Foi quando um senhor aparentando uns 45 anos ouvindo todo o ocorrido foi ao meu encontro e ofereceu para que eu fosse dormir no apartamento dele pois tinha duas camas e uma estava disponível. Eu como não tinha muita escolha aceitei. Subimos até o apartamento e pedi permissão para tomar um banho. Ele falou para que ficar a vontade e foi o que fiz. Eu tenho o costume de dormir somente de cueca e muitas vezes nú. Como não conhecia o cara, acabei dormindo de cueca mesmo. Tomei meu banho, sai de cueca e fui logo dormir. O cara então me avisou que dormia nú e se me importaria ao que respondi que também tinha esse costume e não teria problema algum. Passou dez minutos, eu já bem a vontade, a noite muito quente, a janela aberta foi quando eu senti o lençol sendo puxado. Eu fiquei meio apreencivo mas confeço que fiquei exitado. Até então meu rabinho estava intacto. Fiquei imaginando ser um sonho, sei lá, algo estranho e fiquei quieto. Foi quando as mãos dele começou a massagear minhas pernas, firme e vindo dos pés até as coxas e descia novamente. Como ele não sentiu nenhuma reação da minha parte, foi ficando mais ousado e subindo mais e mais, até apertar minhas nádegas. Eu então numa mistura de medo e tesão, acabei por fim ajeitando meu corpo, deitando reto, abrindo as pernas e deixando meus bracos ao lado do meu quadril. Foi o sinal para o cidadão avançar. Simplesmente senti a ponta da sua língua penetrando entre minhas nádegas e alcançando meu anus. Nossa, a sensação foi delirante. Não sabia mais quem eu era, outrora um macho convicto e agora a merçê de outro, e o pior, adorando o acontecido. Ele carinhosamente, foi levantando minha cintura, deixando minha bunda bem arrebitada mas com minha cabeça colada no travesseiro. Abriu minhas pernas, deixando meu anus todo exposto para o prazer dele. Foi ai que eu fiquei doido. Sua lingua parecia um maestro, lambendo e forçando a entrada do meu rabinho. Eu não aguentando mais aquilo, soltei um gemido, tipo aqueles que escutamos em filme porno e isso deu a ele a chance de que tão aguardava. Deixou meu cuzinho todo molhado com sua saliva, passou algo em seu pênis e foi delicadamente penetrando em meu anus. Que coisa mais gostosa que senti. Algo preenchendo minha cavidade, abrindo meu corpo como estive-se partindo ao meio. Eu começei a sentir dor então escutei a voz dele falando;

-gatinha, faz força para fora. Não faça força ao contrário e imagina você no banheiro fazendo fezes.

Achei aquilo meio louco mas quando obedeci, ahhhh, ai o penis entrou feito uma bala e senti seu sacro batendo nas minhas coxas. Que delicia era aquilo tudo dentro de mim. Enorme. Eu me senti o homem mais completo naquela hora. Ele ficou um pouco parado para que meu anus acostuma-se com aquele membro enorme dentro de mim. Foi quando eu começei a rebolar. Ele então começou a me chamar de putinha safada, batendo em minhas nádegas. Oras, o que eu era naquele momento a não ser uma putinha safada? Não me fiz de rogado e aceitei todas as sugestões a ele mandado. Rebolei como uma verdadeira putinha e sentia aquela tora entrando e saindo de mim. Eu gemi alto, não era hora para bancar o todo certinho e provavelmente muitos caras de outros quartos escutaram o que eu gemia e isso em deixava mais maluco ainda. Foi quando eu senti o penis dele inchar dentro de mim. Era o indicio de que ele ia gozar e logo ele perguntou se eu queria que ele preenche-se meu cuzinho de porra ou queria que fosse jorrado em meu corpo. Na hora eu pedi para jorrar sobre meu corpo, mas o safado não atendeu o meu pedido e jorrou dentro do meu cuzinho todo aquela cachoeira de esperma. Senti aquilo sendo despejado dentro de mim, quente e em quantidade ambundante e no mesmo momento gozei como nunca tinha gozado sem ao menos ter colocado minha mão em meu penis. Depois dele ter gozando em mim, deitou sobre meu corpo por um breve momento, tirou o pau do meu cuzinho, levou até minha boca, fez eu chupar até deixar bem limpinho, entrou no banheiro, tomou seu banho e foi dormir.

Eu então, levantei, fui tomar banho e para meu espanto, nunca tinha visto sair tanta porra de um cuzinho. Logo apás o bannho, fui para minha cama e dormi como um anjo. Quando acordei, o meu amigo já não estava mais no quarto. Fui tomar café e logo percebi os olhares dos outros háspedes para mim e também ouvi o pessoal cochichar a meu respeito. Com vergonha, fechei minha conta e troquei de hotel, mas acreditem, foi uma noite sensacional.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


mete essa picona do cu do meu maridinhocontos de coroa com novinhoduas irmas gozando juntas conto erotico conto erotico brincandocontos eroticos negao come meninomenina matuta conto eroticicontos eroticos envagelica abusadamecanico de pau duro conto eroticocontos eróticos fui pra casa da tia e meus primos me arrombaramMeu namorado virou corno contos teencontos eroticos inocenteconto erotico tia gostosa calcinha atolada no regocontos eróticos infânciaconto picante virei passivo do meu amigo nas brincadeira adoreiContos esposa do meu irmãocontos eroticos com a vovówww.xconto.com/encestocontos de como comi o cú do vizinhocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos trote da faculdade comi o cú da calouraconto eroticos minha mae o pedreirocontos eroticos de novinhas dando p cacetudoscheguei da escola vi minha p*** s***** dando para o meu tio minha prima piranha s*****contos ela da a bundacontos eroticos um casal de amigos nos convidou pra uma jantacontos eroticos me exibi nua pra elaconto erotico eu meu marido e nosso amigoconto comi minha mae quando tinha dez anosContos porno minha namorada mi engañocontos eroticos gay abuso vizinhoconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cuContos punheta voyeurporno pesado arrombando relatosfui corno gosteicontos eroticos sequestromeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contocontos eroticos, cu de bebada nao tem dono me comeram a bucetaconto erotico sogro na piscinaContos eroricos transei com minha empregadacontos de coroa com novinhocontoseroticossexogayContos de leitores reais swingContos: comendo 2 irmãsSequestri e estruprei conto eroticoMeu marido e viado do filho conto eroticocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaCONTOS EROTICOS ESTRUPOcontos eróticos dupla penetração anal em travestis zoofiliaconto de não aguentei a pica grande no meu cumulher casada vira p*** no baile do carnaval só transa com homem do p********* e grosso para vídeosContoseroticos estuprando Vitóriacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erotico dogcontos eróticos enteada me provoca eu goza dentrocontos eróticos empregada olhando meu pauAi ai minha bucetinha contoscontos eroticos tia suruba com sobrinhosarronbando minhas 3filhas a forsagosto de porra na boca contos eróticossempre fui safadinha contos so contos de comendo a menina pobre da favelacontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoso metendo n mato n buceta da minha filha n causinha video mobilContos eróticos com meias suadaslesbica minha namorada tirou meu shortsmulher e homem dançando bem agarradinho e funk sensualconto eu doida pra gosar mas si tinha meu papaimeu namorado me fez de putaDesvirginando a subrinha de 18 anoscontos dei o cu virgemFui com um coroa pra sua lancha ele me fudeu conto eroticomeu marido sempre tras tres amigos em casa conto erpticoGravida do papai contoscontos arrombando casadavalesca chupando e o namorado olhando