Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BRINCANDO DE CASINHA

Olá pessoal! Este conto é real e aconteceu a vários anos atrás quando eu tinha dezesseis anos.Sempre fui um jovem atirado em questão de sexo,nunca perdia uma oportunidade.Aqui na minha região há um costume entre meninos e meninas de brincarem de casinha,ou seja,constrái -se as "famílias" de brincadeira e cada família tem a sua casa,uma visita as outras,e simula-se uma rotina de casal.Eu era o maior da turma e as meninas todas bonitas e novinhas,na faixa dos 13,14 e 19 anos.Nesse dia eu me casei(de brincadeirinha) com uma linda gatinha que tinha um corpinho fenomenal,com coxas grossas e uns peitinhos que pareciam querer rasgar a blusa.Depois do casamento fomos para "nossa casa".Vale lembrar que isso acontecia num mato afastado das casas.Arrumamos tudo,minha esposinha fez café,fez comida,visitamos e recebemos visitas.Pois bem,chegou a noite e a hora de dormir.Eu como sou era já malandro estava doido para chegar esse momento,cheio de segundas intenções.Forrei um papelão no chão,cortei ramos de árvores e forrei com um lençol já meio rasgado.Chamei a minha esposinha para dormir e falei a ela que seria a nossa lua-de-mel.Ela respondeu : Mas é tudo de brincadeira,né? Eu resdi que sim,mas estava pensando que não.Eu não seria bobo de perder uma oportunidade dessas.Deitamos,embrulhamos com outro lençol e eu comecei a falar pra ela que nás tínhamos que fingir que estávamos fazendo amor pois senão a brincadeira perdia a graça.Ela não queria concordar mas de tanto eu insistir e ameaçar ir embora,ela acabou concordando.Então eu comecei a tocar meus lábios sobre os dela com bastante delicadeza e senti um choque ao tocar aqueles lindos lábios.Meu cacete,que devia medir uns 19 cm,endureceu na hora e ela percebeu pois olhou na direção dele imediatamente.Senti que ela percebera e que havia sentido tesão.Continuei com minha sessão de carícias e comecei a levantar sua blusinha.Ela falou que aquilo não precisava e eu respondi que tinha que parecer tudo real.Quando ergui toda a sua blusinha seus peitinhos saltaram pra fora,como eram lindos,uns biquinhos maravilhosos! Caí de boca neles e ela gemendo,pois acreditem,sempre fui muito bom em chupar uns peitos.Já chupando seus peitos,comecei a desabotoar seu short e fui descendo ele junto com a calcinha.Sem tirar a boca de seus peitos,passei a mão por suas coxas e fui subindo.Ao tocar sua bucetinha,notei que ela estava molhadinha,aí eu pensei:"agora vai dar".Desci meu short e quando meu cacete saiu ela arregalhou os olhos e falou:Você não vai enfiar isso em mim não,né?Eu respondi:Não,eu sá vou esfregar na entradinha de sua bucetinha.Abri suas pernas carinhosamente e comecei a esfregar a cabeça na sua bucetinha ensopada.Era tão gostoso que eu não me importava de ficar o resto do dia fazendo aquilo.Fui esfregando e a cada momento eu tentava enfiar um pouquinho.Então falei pra ela:Eu vou colocar sá a cabeça e você vai ver como é gostoso.Enfiei a cabeça e ela soltou um gemido.E eu falava:Está vendo como é gostoso?Olha sá entrou a cabecona de minha pica,ai que delícia.E comecei a movimentar um pouco,fazendo um vai e vem.E ela gemia de prezer.Então eu disse:Vou tentando enfiar um pouco mais se doer você fala e eu paro.Ela concordou e eu fui enfiando aos pouquinhos,bem devagarzinho,e parecíamos ir às alturas.Fui enfiando,enfiando até quebrar o seu cabacinho.Ela soltou um gemido e eu comecei a estocá-la agora já com mais força,fazendo um vai e vem delicioso.Ela gozou uma vez e eu continuei a fudê-la com intensidade,até que gritei que eu ia gozar.Ela,acho que mecanicamente,enlaçou suas duas pernas nas minhas costas e então eu gozei na sua becetinha e ela gozou outra vez junto comigo.Foi algo imensurável o prazer que senti,pois parecia que tinha algo rasgando minhas entranhas.Depois disso,eu sá queria brincar se fosse casado com ela.E brincamos várias outras vezes,e sempre comia a sua bucetinha.Foi delicioso brincar com aquela potranquinha.Valeu!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


enrabada e estrupada por traficantes na saida da discoteca.contoscontos eroticos comi a mulher do traficanteContos eróticos tomando banho com duas primas novinhasmorena dano a boceta po caveleconto gay negao casado deucontos de cú de irmà da igrejacontos eroticos gay negroContos levando a menina pequena de rua pra passear e comendo cuzinho virgem chorandobudendo.cadela.no.ciu.vira.lataConto puta fode com o vizinhomulher batend sirica at espirarcontos de swing na praia Conto esposa de tampa sexodisvirginei a minha professora contos erodicosTomando café com a minha vizinha contoscontos eróticos inversão bêbadocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casameu cunhado me comeu quandi eu dormia contoContos eu d travesti meu fazia eu pagar suas dividasConto meu marido me obrigou a trepar com o mendigocontos eroticos gay babydollContos de novinhas sexo selvagemMamando rola na escola contoseroticoscontos bixessuaiscontos eroticos gay meu profeddor de artes macias gayincesto brincando com irmã de pig escondea minha vizinha casada anal primeira vez - contos eroticoscontos eroticos comi meu cunhadopornô doido irmão f****** irmã fortemente com pau bem grandãoContos eroticos peguei minha esposa me traindoconto casal bicontos eroticos comi a buceta da minha amiga na capoeiracasada pelada em lugares movimentados contoscastigando a patroa na ruamassagem tia corno contocontos eroticos comi amiga da minha irmasurra vaginal amordaçada contocontos eroticoscomi minha irma drogadaCasada viajando contosMe comeram ao lado do meu namoradodei minha buceta para os amigo do meu filho contos eroticocontos eróticos longos viagemPorn contos eroticos funcionaria na lancha do patraocontos eroticos deixar de ser virgemcu atolado vestido voyeurSou gay e tranzei com um travest contos eroticover travesti dano o cu pra sincaras r chupano pimtopagando conta cartonsex familiacontos pornô casal fudendo com a empregadinhafiz troca troca com meu amigo : contos eróticoscontos eróticos funcionáriaContos eroticos a filha da empregadacontos erótico de velhas que adora ser chingadascasal bi maduro fudendo e gritando muitocontos erótico me rasgaram mo acampamento casada dei para o pedreito contos eroticosContos fui violentada ate sangrar o cu e a bucetacontos de putinhas casadaficando com o hetero safadoconto gay conto sozinho com minha sograpornô com cavalos mangalarga fazendo com mulheres no cavaletexvideo porno cavalu comedo aeguaTennis zelenograd contocontos eroticos de spankingna frente a mamãe motel sábado padrastoMeu+irmão+arrombou+meu+cu+a força+conto+eroticoContos de putas safadasconto erostico meu namorado e o amigo me comeuTennis zelenograd contomulher botando a x*** para o cachorro lamberconto ele ficou sabendo do tamanho da bucetadou meu cu para meu amigo colorido contos eróticosConto erotico fiz caridadecontos eroticos vizinho me pegou shortinhoconto erotico virgem colegialconto erotico com homem velho coroa grisalho peludo do trabalhoficou vixiada bo inxestoconto porra. do amante ocorrendo das coxacontos eroticos Minha namorada me contou como perdeu a virgindade com seu ex e fiquei exitadocontos eroticos crentescontos eroticos veridicos de cunhadasencoxando minha filha na viagemConto gozou muita porra no meu cuContos eroticos minha esposa atendeu o entregador de shortinhocaralhudo contoprima cazada ve seu primo comendo a subrinha depois pedi para o primo fuder com ela no sexover filme porno com massagista se a susta com o tamanho da piroca do clientes e pede para tocar uma pueta e pede para ela bater um pueta ele goza na boca de dela