Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU TIO ME ENGANOU.

Bom irei relatar como conheci o mundo Crossdresser, eu tinha 19 anos quando meus pais se mudarão para outra cidade em Minas Gerais, como eu estava estudando em Belo Horizonte fui morar com minha avá e meu tio. Meu tio é uma pessoa maravilhosa so que exagera no álcool, gosto muito dele.

Um dia ele havia saído e bebido muito, quando retornou já era umas duas horas de manhã, ele não estava bem! Se deito para dormir e pouco tempo depois vômito pela cama toda, eu sabia o quanto minha avá se chateava com meu tio por conta do álcool, me levantei vesti um shorts (não gosto de cueca e somente durmo pelado, uma mania que herdei de meu pai) levantei meu tio ainda meio sonolento e o levei para o banheiro para dar um banho nele, tudo muito normal, ajudei ele a tirar a roupa liguei o chuveiro e coloquei ele debaixo do mesmo, fiquei observando ele para conferir se estava bem, quando percebi que ele tinha condição de continuar sozinho voltei para o quarto arrumar a cama de meu tio, ele voltou pelado do chuveiro e deitou na cama. Tirei o short e fui dormir também, pouco depois ele reclamou que a cama estava com o odor muito forte e deitou na minha cama, apenas deitou sem pedi. Durante a noite notei que ele havia me enconchado senti seu membro sobre meu bumbum, ele aproveitou para me dar um abraço, achava que ele estava dormindo e não reclamei, senti seu pênis endurecer e não sei o que aconteceu eu acabei me ajeitando melhor para senti-lo, nunca havia pensado em sexo, revistas eráticas para mim era algo errado, eu dormir e senti ele levantando a minha perna e encostando seu pênis em meu cuzinho virgem, mas ele apenas encostou e ficou relando, então eu dormir.

No dia seguinte era um sábado era um dia normal o acontecido não teve muita importância para mim. minha avá iria sair, iria para casa de minha tia que havia ganhado neném, achei o máximo porque poderia jogar vídeo game sem ninguém para me falar a hora de parar, eu acreditava que meu tio como sempre iria sair também, mas ele não saiu, ele acordou e viu que minha avá não estava em casa, tomou seu café e ficou andando inquieto na casa, eu não tava nem ai, contando que me deixasse continuar jogando ele podia fazer o que quiser. Apás algum tempo ele se sentou no sofá ao meu lado com uma revista erática na mão, ficou e ficou ali olhando era de mangá, do nada ele virou para mim e disse: - Porque você não aproveita que a mãe saiu e vai para o fliperama? Eu respondi que não tinha dinheiro, ele então me disse que poderia me dar o dinheiro para as fichas se eu o ajudasse, então eu disse que era so ele falar que eu o ajudaria. Então ele me deu o dinheiro para umas cinco ficha e quando eu ia saindo ele me disse: - Ainda não, falta você me ajudar. Então me colocou sentado no sofá, ficou em pé na minha frente, tirou o pinto para fora e me disse: - Quero que você faça igual está na revista. Eu disse que não e ele me disse que não era errado e que poderia me dar mais dinheiro depois, então eu tentei colocar na boca mas não estava me sentindo bem, então ele foi até a cozinha pegou leite condeçado e colocou no pinto e falou que era para eu chupar como um picolé, ai eu já gostei do gosto e comecei o meu primeiro boquete, ele me auxiliava mostrando como eu devia fazer o movimento e eu realmente estava gostando, quando já estava pegando o jeito ele colocou mais leite condeçado no pinto e também em minha boca e começou a bombar em minha boca, eu inocente continuei mamando aquela pica doce, foi quando ele segurou minha cabeça e começou a gozar em minha boca, eu me assustei mas ele me segurou firme, o primeiro jato foi direto no fundo de minha garganta, ele me mandou engolir tudo e eu não tive como não engolir, pois ele estava me segurando firme, depois disso ele me mandou me limpar e disse que iria sair mas não iria demorar e que não era para eu sair para não deixar a casa sozinha.

Bom meu tio saiu e ficou umas duas horas fora, quando voltou eu estava assistindo tv, ele me falou que minha avá não voltaria hoje porque iria ficar ajudando a minha tia no fim de semana e sá voltaria na práxima terça-feira, eu disse a ele que tudo bem e ele me disse que tudo bem nada, alguém teria que arrumar a casa, como ele trabalhava era para eu arrumar pois segundo ele eu deveria ajudar por estar morando na casa também, eu respondi que tudo bem, achava justa a alegação, então ele me disse tenho alguns presentes aqui para você também, eu fiquei feliz e fui com ele para o quarto em busca de meus presentes, quando me deu as sacolas ela um monte de roupas de menina, eu protestei, falei a ele que isso não era para homem e ele me disse que era parte do trato, eu arrumava a casa vestido de menina e ele me pagava por isso, ele foi falando isso e me dando uma nota de grande valor para um menino na época, hoje seria como uns dez reais. Peguei a nota achando que estava fazendo um bom negácio e fui vestir a roupa que ele havia separado, achei super confortável, não disse a ele mas gostei muito daquela situação, não sabia o que mas algo estava diferente em mim, bom terminei de me vestir e fui até ele, então me disse que ainda não estava bom, foi até o quarto de minha avá pegou os apretejos de maquiagem e me produziu, batom, sombra, pá e tudo que eu tinha direito, por fim eu estava com uma saia rodada tipo colegial, calcinha fio dental meia calça branca por cima, uma camisinha bem justa e sandálias. Quando me vi no espelho não me reconheci, me apaixonei por mim mesma, ele então me disse: - Agora minha sobrinha você será minha namoradinha particular. Eu estava exitado! Fomos almoçar, eu esquentei o almoço e servi na mesa, ele ficava passando a mão em minha bundinha, coloquei o prato dele e quando ia colocar o meu ele disse que não, era para comer no mesmo prato, então me colocou no colo e começamos a comer, senti seu pinto ficar duro, não consegui comer e nem ele, então bebi um copo de suco e disse que iria para a sala vê tv ele me disse para ir para o quarto assisti na tv de lá, quando entrou comigo no quarto pegou uma fita e colocou para assistirmos juntos, era uma fita de travesti, aquilo foi mexendo comigo ele então tirou o pinto para fora e sem precisar me pedir eu cai de boca imitando a cena do filme, eu não tinha mais nojo, chupava como se fosse a melhor coisa do mundo, depois de um tempo ele me colocou deitada de costa para cama e abaixou minha meia-calça colocou minha calcinha para o lado e começou a me chupar, meu pinto era pequeno e ele o engolia com muita facilidade, então não aguentei e gozei na boca de meu tio, foi minha primeira gozada, ele parecia ter se irritado comigo e olhou para mim bravo e disse que não deveria ter feito isso, então ele saiu do quarto, eu fiquei lá meio sem saber o que havia feito de errado, com um pouco de medo e tenso, quando voltou ele ligou trouxe consigo algo que não havia percebido o que era, ligou o som do rádio bem alto e me disse: - Fica de quatro na cama. Eu com medo obedeci, então ele levantou minha saia abaixou minha calcinha e começou a lamber meu cú, estava muito gostoso, fiquei com meu pauzinho duro de novo, ai ele pegou o pote que trouxe e começou a passar em mim, agora eu via que era manteiga, ele me lambuzou de manteiga, eu não me atrevia a perguntar o porque daquilo, então ele passou manteiga no pau dele também e começou a esfregar em mim, estava muito gostoso até ele encaixar no meu cuzinho, ele começou a tentar penetrar doia muito eu comecei a pedir para parar por favor, mas ele não me escutava, ao invés de parar ele enfiou tudo de uma vez, o pinto dele não era muito grande para um adulto, devia ter uns 15cm, mas para mim era enorme, doeu muito eu comecei a chorar e ele parou um pouco com ele dentro de mim e disse para me acalmar que iria passar, começou bem devagar um vai e vem, pouco depois comecei a me soltar, estava tendo prazer, então ele começou a bombar mais forte, sentia as bolas dele batendo em mim, ele me falava que eu era a namoradinha dele e que eu era mais gostosa que as meninas que ele conhecia, foi indo nessa até que ele socou todo o pinto dentro de meu cuzinho e eu sentir soltar algo dentro de mim, como se ele estivesse fazendo xixi, então ele soltou o corpo e caiu sobre o meu na cama, meu cú esta latejando mas tava muito gostoso sentir ele assim, ele ficou com o pinto dentro de mim por algum tempo.

Depois de recobrar as forças meu tio se levantou, me pegou no colo e me deu um beijo na boca, foi meu primeiro beijo de língua, me levou para o banheiro, tirou minha roupa e a dele e pediu para eu me lavar, percebi que tinha sangue escorrendo junto com outro liquido pela minhas pernas, ele disse que era normal para que eu não me preocupasse, então ele tirou a roupa e me pediu para ajudá-lo a se lavar, fui lavando as pernas dele e o pinto e não aguentei, não sabia mais o que eu tinha não podia ver o pinto de meu tio que queria chupar, então cai de boca nele, fiquei ali agachada mamando aquela rola gostosa, ai quando estava duro ele me pegou colocou-me de costas para ele e começou me penetrar novamente, doeu mas não como da primeira vez e também eu estava louco de vontade de sentir aquilo tudo de novo, então ele me comeu como um louco, eu gritava de prazer, estava louco também, havia me transformado em uma putinha, ele foi socando seu pinto em mim e eu forçava a minha bunda contra seu corpo até que ele me encheu de porra novamente, me sentia realizada.

Depois saímos do banho, ele me separou um vestido branco com pequenas flores vermelhas e amarelas, uma calcinha, me ensinou colocar o pinto para traz para não ficar aparecendo e maquiou novamente e colocou dois brincos de pressão de minha avá, calcei a mesma sandália de corda, tipo amazonas e me disse que iria sair, mas queria que eu continuasse vestido assim, e eu estava amando. Fiquei me sentindo toda poderosa naquele dia, so me assustei quando o Normando amigo de meu tio apareceu por sobre o muro para chamar o meu tio, mas como não tinha mais como se esconder, eu o atendi com a maior naturalidade e disse que meu tio não estava, então ele ficou me olhando e foi embora.

Quando chegou a noite meu tio me deu um camisola preta e uma calcinha preta para poder dormir, me troquei dei um beijo na boca dele, agradeci pelo dia e antes de me deitar dei uma mamada na pica dele até ele se derreter em minha boca, e dormimos muito gostoso.

Bom o resto do fim de semana foi muito bom, teve banho de sol na laje com biquíni, teve o Normando que voltou, teve mais meu tio.

Nossa foi muito bom.

Quero repetir essa experiência e outras com alguém, quem realmente estiver interessado me deixe recado, prefiro que seja outra Crossdresser ou travesti, mas se a pessoa for legal posso analisar outros casos.

Também teve a época que meu tio me levou em uma festa de alguns amigos dele as quais eu não conhecia, outra vez quando me montaram e me arrumaram uma moça para fazer amor comigo, outra que meu tio me vez dar para nosso cachorro, não sei se amo ou odeio esse meu tio, por causa dele estou viciada nessa vida, tento levar uma vida normal mas não consigo parar de ter essas taras. Queria um amigo que pudesse estar ao meu lado como amigo e que vez ou outra pudéssemos brincar um pouco.



[email protected]



http:orkut.comProfile.aspx?uid=5236814442357957076



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


a travesty gordinha me fez gozar sem tocar no pau comtos eroticosconto erotico gaucha casada carente na praia e cunhadoconto herotico engravidem uma branquinhacontos eroticos sobrinhoscontos eroticos redeo dia que levei.uma.gozada no.anus da travesti contocrossdresser marquinha de biquini contoscontos eroticos iniciei meu marido a da o cucontos eroticos menina com pedreirochupando pica abrancando o namorado pela cintura amadorconto erotico viado submisso mulhe vais boguete em bebudoTennis zelenograd meu cão de guardaler contos eroticos incesto mae transa com filho e pai esta desconfiandorossou em mim contoscontos eroticos chatagiada a beber espermasconosco toma a porra de. macho na. bucetaComtos heroticos da cunhadinha viviane dando pro cunhado reinaldocontos travesti mulata que me arromboucontos eroticos primeira vez de um homem com outroesposa vagabunda contoscontos eróticos jogando com a amigacontos de escravo do maridomeu cunhado tirou o cabaço do cú da minha esposaConto erotico ZoofiliaConto erotico sou madura e vadiameu lobo gostosovirei o viadinho na bahia pros negao roludo contosbgaysconto erotico sobrinha bebadaconto erotico viadinho de shortinho e calcinha com mendingomeu filho meu marido contos eroticosconto comi tia do meu amigocontos herodico de vadia sendo arromba por um cachorrocomto erotico de esetos de novinhas vigeirmatezudacontos lesbica fui sedusida banheiro boatyminhamulhere meucachorroconto erotico gay meu avo ensinou ao filho e agora ensina ao netomulheres peitudas contos eroticosxcontos eroticos.com casada gostosona deficientepapai furioso contod eroticosboquete gozada boca amiga contospodendo com a sograNovinha Bebi porra do meu amigo contomeu irmao me comeu gostoso tou gravida delecontos eróticos cantada na rua não resisti e traícontos eroticos sequestrocontos eróticos com animaiscontos eróticos metendo com casalxoxotao capusaoSexxu videu erica cazada jua da baiacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos hot comeran minha buceta no pique-escondecontos eroticos esposas adora pau grande e muita porra levei ela pra dar pum cavaloconto erótico eu e meu primo renatocontos erotico so de negrinhas dando o cusinho e a bucetinha pro cunhado e chupando muita rolacome minha vovo de poi micome negaocontos eroticos menina cuzuda na fazendacontos amiga faculdade nudismocontos eroticos esposas no swingcasada reclamando do vizinho contos eroticoscóntos eroticos eu e minha irmã chupa pau de traficantecontos sou safada dei a bunda para os meninos flanelinhaContei para meu marido como fiquei com o cu arrombadoWww.garotinhasafada.comNovinha Bebi porra do meu amigo contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaminha mae da para um velho pirocudo espiei ela contosdescabacei a namoradinha de 13 aninhoscontos eroticos a travestir que eu perdi a virgindade da pica contos eroticos..me f dinheiroEmpregadinha é virgem de cu e buceta conto eróticoContos de incesto minha mae fugiu com outro e eu fiquei com o meu paiConto Erotico Sou Morena A Gostosona Da Favela E Dei Minha Xana Pra Um Branco Do Pau Grandepadrinho cuida da afilhada contos eróticosCONTOS EROTICOS DE SENHORAS FUDENDO COM GAROTOSconto eroticos travesti hormonioconto irma com tesao