Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TIRANDO A VIRGINDADE DE NINFETA

Este conto relata uma das melhores transas q já tive: acontece q ha 4 anos eu conheci uma garota por meio d uma prima minha: na epoca ela tinha 19 anos uma garota “feinha”. Eu q tinha 19 nem dei muita importancia a ela pq tinha outras na minha cabeça.

Acontece q msm assim eu reparei q ela me olhava d um jeito diferente parecia sempre estar d olho no q fazia e sempre arrumava desculpa p ficar perto d mim.

O tempo passou ela mudou-se da nossa cidade um ano depois minha prima me disse q tinha dado meu msn p ela por ela tinha insistido muito, eu nem liguei na hora mas depois eu lembrei do jeito como ela me olhava e decidi tirar a duvida. Depois d alguns meses eu finalmente consegui tc com ela e dai em diante passei a jogar um certo charme p cima dela pelo msn: Provocando ela acabei conseguindo com ela confessasse q realmente gostava d mim e mais q ainda gostava, nisso o tempo foi passando e as conversas foram ficando cada vez mais intimas ela me contava sobre seus namorados e eu sobre as minhas, ela me dizia q ainda era virgem e q esperava por alguem especial.

Um certo dia depois d 3 anos q havia partido ela voltou e p minha surpresa quando eu a vi ela estava incrivelmente linda: com seios redondinhos, um bumbum bem definido, cintura d modelo, coxas grossas, pernas longas, cabelos cumpridos e num visual totalmente provocante sempre d mini-saia ou um bem apertado.

Dois dias apos ela ter chegado resolveram fazer uma festinha na casa do pai dela q ainda morava na nossa cidade, como era d costume eu ñ perdia uma boa festa, ainda mais com a chance d me aproximar um pouco dessa q se revelara uma tremenda gatinha.

Na festa ela ñ tirava os olhos d mim e isso me deixava ainda + intereçado nela, eu tava q ñ aguentava mais d tanto vontade. A noite ia passando e a vontade almentava e ela querendo chegar perto mas os caras da festa todos interessados nela por ela ser o centro das antenções: a mais linda, a mais cobiçada...ñ deixavam espaço nem pra ela se mexer. A noite foi passando e as pessoas foram saindo e ela dispensando todos q davam em cima dela e eu cadavez mais exitado em ver q ela me queria, mau sabia eu o quanto ela me queria... por volta da meia noite eu consegui falar com ela à sás (todos os outros desistiram depois d tanto ela dizer "não") sentamos num sofá e começamos à conversar sobre tudu oq haviamos dito pela internet, ela ficou vermelha d vergonha quando eu perguntei sobre o namorado q ela havia me contado com quem ela ficava. ela me disse meio q sem jeito q havia terminado com ele pq ele queria tranzar com ela, mas q ñ quis. Quando perguntei o pq d ela ñ querer, ela me disse q era pq estava esperando pela pessoa certa, então eu perguntei meio sem jeito se ela tinha alguem em mente abaixou a kbça ficou em silencio um instante com se tivesse tomando coragem, respirou fundo chegou mais perto e disse no meu ouvido q era eu quem ela esperava e q queria perder a virgindade naquala noite ou nunca mais teria aquela coraguem de novo me olhou bem dentro dos olhos e me perguntou se eu queria ficar com ela.

Isso me pegou d surpesa eu nunca pudia imaginar nem no meu sonho mais pervertido tanta ousadia dela. Fiquei sem saber oq fazer, me acalmei respirei fundo, e disse q ficaria com ela. A festa ja estava acabando e restavam poucas pessoas então decidi levar minha prima pra casa dela, nisso a Bruna decidiu acabar com o q restava da festa dizemdo q ia dormir e q era pra todos irem embora, logo q deixei minha prima voutei voanda pra casa da Bruna, estava muito ansioso e euforico com a ideia d tranzar com ela.

Quando chegei la ela me esperava no portão, me disse q o pai dela ja estava dormindo e q tinha um sono pesado e q ñ teriamos q nos preoculpar com ela mais, assim q fechei a porta ela me agarrou e me deu um beijo com tanta força q eu quase sufoquei, e me disse q queria fazer isso a 3 anos. fomos pro quarto dela, eu a peguei no colo e a coloquei com cuidado na cama, começamos a nos beijar e eu passei a minha pelo rosto dela e comecei a descer, quando ia chegando aos seios dela eu parei e perguntei se era aquilo msm q ela queria, ela me olhou nos olhos e disse:

-eu esperei, imaginei, sonhei com isso nos ultimos dois anos, ñ é agora q eu vou voltar atraz. pegou a minha mão e colocou nos seios dela.

eu terie minha blusa e ela a dela e tbm o sultian, comecei a acariciar aqueles lindo seios, elogo estava chupando e ela gemendo baixinho e eu cada vez mais excitado, fui descendo ate q cheguei na saia dela tirei ela junto com a calsinha braca q ela estava usando, quando vi aquela bucetinha virguem ñ aguentei fiz uma cioisa q nunca havia feito: eu chupei, fui com tanta cede ao pote q ela gozou em pouco tempo.

Eu ja ñ aguentava mais tinha q meter naquela xaninha, tirei a calça e a cueca, e coloquei meu menbro na entrada da buceta dela e avisei pra ela q podia doer mais q ela ñ devia se preoculpar q era so por algum tempo.

Quando coloquei la dentro ela deu um gemido d prazer rapidamente eu rompi a virgindade dela saiu pouquissimo sangue, quase nada, com cuidado comecei a fazer um movimento d vai-e-vem cada vez mais rapido e ela gemendo e mandando eu ir mais rapido e eu cada vez mais excitado, ate q ela gozou de novo, ñ aguentei e tbm gozei, mas nem assim eu parei com o vai-e-vem comtinuemos assim por uns 19 minutos, ate eu tirei um pouco e ela pediu pra chupar dizendo q queria sentir o gosto dela misturado com o meu, fez um bokete tão bom q nem parecia q era a primeira vez dela. ñ demorou muito e eu gozei na boca dela, ela engoliu tudu. em seguida ela montou em mim e começou a cavalgar.

Era uma visão deslumbrante: eu ali em baixo vendo aquela deusa nua pulando em cima de mim e eu acariciando seu seios, gozei de novo. Logo em seguida ela tbm gozou e se deitou sobre mim exalta mas ainda ñ estava saciada saciada msm deitada ela continuava a fazer movimento de entra e sai.

Sai d baixo dela a coloquei de 4 meti na buceta dela q ja estava vermelha depois d todas as estocadas minhas, ela ja estava cansada mas ñ perdia o animo, cada estocada era um gemido, enquanto metia eu alisa a bundinha dela num momento eu passei o dedo na entrada do cusinho dela, ela ñ gostou muito no momento, ma sdepois d alguns minutos ela me perguntou se ue queria come o cusinho dela na mesma hora eu disse q sim.

coloquei primeiro o dedo mindinho pra ela ir se acostumado, depois meti dois dedo e logo em seguida coloquei meu penis com calma fui penetrando pra ñ machuca-la quanto mais entrava mais ela gemia e dizia q tava doendo muito, mandando eu meter mais, quando enfiei tudu q dava iniciei um movimento d vai-e-vem devagar e fui acelerando cada vez mais e a bruna gemendo muito, ate q gritou disendo q ia gozar, logo em seguida ela baixou a bunda e se virou pra olhar pra mim abriu um sorriso d feliscidade e disse:

-esse foi o mehor dia da minha vida!!!!!!!!!

nás ainda fomos tomar um banho juntos ond eu eu fiz um boquete nela.

quem quiser me add pra trocar experiencias comentar sobre meu conto ou so pra conversar no msn [email protected]

ou no orkut: http:orkut.comProfile.aspx?uid=9881469778511358090

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos n***************** e g******video porno gay o promo etero bota o primo gay na surubacontos gay favelaquero ser arronbada por outro cassete contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erotico Meu padrasto me fudendo e minha mae viu e deixoucontos eroticos menina. na fazendaCorno ama namorada use chortinho de lycra marcando buceta contoscontos eroticos - isto e real - parte 2contos eróticos gay médicosa arte de apanhar contos eroticochantagiei minha irmã parte 2cache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html conto casadaPortão tem puta fodedeiraTudo q uma puta deve fazer na camaFui Comida pelos colegas do colegios contosa piriquita da theulma moreninhacontos eróticos maecontos, brincando dei para primonhaencaixando na buceta meladaconto erotico chupando pau com sorveteconto erotico esposa olhava por marido e gemia com cara safadacontos eroticos papai 40 amigas i eu arrumacontos tesão por calcinhaContos comendo a surdaconto erótico minha esposa inocentecontos eróticos amigas passando a mão na bunda umas das outrasnovinha que queira trocar msg e gozar muitoConto erotico casada biquinicontos herticos eu i meu pai ele me chupou enquanto dormiaContos Eróticos Tentada pelo filhocontos meu namorado me possuiumulher passa muita margarina no proprio cusamba porno buceta com sujeiras brancascontos negao na praia de nudismovideo porno juazeiro-ba dei carona a preta e comi ela no carrocontos putaria de crentesconto xotA cu filhinhoesposa na brincadeira em casa contocontos eroticos meu vizinho me flagrou dando o cu pro meu cachorrorelato erotico meu cachorro comia meu cuzinho quando meninaconto erotico fui visita minha mae na cadeia e fudi suas parceirasContos de mulheres, fudendo com seu avôcontos eroticos tia suruba com sobrinhoscontos eroticos meu irmãoconto arregacando o cuzinho e enchendo de porra a cunhadaputaria todos diss contocontoporno enfiei bananaa esposa baiana do meu amigo contos eroticosporno negao fidi lora magraporno de tia cabelo cachaedo loira meia idade peluda com sobrinhocunhado da piroca grossa deixa sogra doidinha,contos e relatos eroticoscontos eroticos .ulher do meu paicasa dos contos mae e filha xupação de bucetaO cabaco da sobrinha ficou na minha rola contoeroticocontos eroticos comi amiga da minha irmaConto gay dei cu na viagem a cabo friocache:NCvA3Q684K4J:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria-mais-lidos_4_10_incesto.htmlVi minha irma gozandoe sitremendo todacontos de fingindo dormirContos eroticos mamae e filha gulosa chupando o pauzao do seu filho e de cinco amigos dele em uma putaria na piscina de casaConto Erótico Primas putascomiminha filja lauraEnchi ela de porra contoscontos eroticos sou crente mas tenho um fogo no cuContos erótico a primeira vez conheci um pênisporno club contos eroticos de meninos gayscontos eroticos minha mulhér foi dar pra outroContos eroticos de safada sendo estrupada por venhos barrigudos